Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Tesouro Direto: O que comprar para os próximos 30 dias

Gustavo Kahil - 12/01/2019 - 11:18

A equipe de estratégia do Bradesco BBI continua a recomendar dois papéis para uma exposição ao Tesouro Direto nos próximos 30 dias. O time composto por Altair Maurílio, Caio Lombardi e André Sonnervig entende que o momento ainda é de cautela, apesar da melhora das expectativas, e continua a indicar uma posição conservadora.

Tesouro Direto ou fundo DI? Em busca das menores taxas

“No ambiente externo, a possível desaceleração da economia global, bem como a expectativa com a relação a tendência dos juros dos Estados Unidos continuam sendo os principais fatores impactando a curva de juros, principalmente os vencimentos longos”, aponta o relatório distribuído para clientes nesta semana.

O time de analistas do banco ressalta que o desempenho dos títulos públicos neste ano estará atrelada principalmente ao cenário fiscal, principalmente em relação aos títulos prefixados.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

“Neste contexto, para o portfólio deste mês, dada uma possível maior volatilidade esperada no médio prazo, continuamos mantendo uma carteira mais conservadora”, apontam.

O que comprar?

Com isso, o Bradesco BBI sugere 50% em títulos indexados à inflação com vencimento em 2024, que é o mais curto disponível para investimento. “Assim o investidor se protege da inflação no médio prazo e ainda obtém um juro real atrativo”, pontua a análise.

Os demais 50% podem ser alocados em Tesouro Selic, que é um papel indexado à variação da Selic, não possuindo risco de taxa de juros. “Reiteramos que a nossa sugestão é manter o título até o vencimento, sendo que se não for essa a estratégia de investimento, a alocação somente em Tesouro Selic deve ser analisa”, conclui o documento.

Leia mais:

Renda variável x renda fixa: qual é a melhor opção?

8 dicas para investir em títulos públicos

Receba dicas EXCLUSIVAS de investimento em seu e-mail – Não é propaganda