Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

XP Investimentos renova portfólio de 10 ações para janeiro

Gustavo Kahil - 03/01/2019 - 11:54

XP Investimentos

A XP Investimentos renovou o seu portfólio mensal com 10 ações indicadas para o mês de janeiro, mostra um relatório enviado a clientes nesta quinta-feira (3). A equipe de análise ressalta que o ambiente parece o mais favorável e invejável para um governo pós-ditadura. “O crescimento está acelerando, a inflação ancorada e juros nas mínimas históricas. Esse momento tem de ser aproveitado. A situação é delicada, e se a agenda reformista não for endereçada, o ambiente deteriorará rapidamente”, pondera a corretora.

Veja as principais recomendações para janeiro; clique aqui

Segundo os analistas, os desafios são grandes e sabidos, mas o presidente eleito tem priorizado a agenda reformista, e o time político vê espaço para unir uma frente de apoio no congresso. Se bem executada e entregue, a agenda reformista e liberal poderá ser transformacional para o país. “Vemos o Brasil como nome de destaque em emergentes, com múltiplo atrativo (10,4x P/L) e narrativa que continua a apontar na direção correta”, ressaltam. Com isso, o Ibovespa poderia alcançar os 125 mil pontos.

Mudanças:

O relatório revela a saída do Bradesco (BBDC4) para a entrada do Itaú Unibanco (ITUB4). “Vemos o Itaú como uma alternativa mais defensiva pela sua diversificação de negócios na América Latina e excesso de capital. No momento atual de volatilidade, o movimento pretende reduzir o risco da carteira”, aponta a avaliação.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

A Petrobras (PETR4) teve o seu peso na carteira cortado de 15% para 10% e a siderúrgica Gerdau (GGBR4) elevado de 5% para 10%. “O movimento se destina a reduzir a exposição ao
cenário global volátil, que impactou preços de petróleo. Preferimos maior exposição a Gerdau, que se beneficia de forma mais direta de uma retomada da atividade econômica doméstica”.

A última mudança é a saída da BR Malls (BRML3) para a entrada da Azul (AZUL4). “Optamos por realizar nossa posição de brMalls e adicionar as ações da Azul ao portfólio, para a qual vemos assimetria de preço maior. Acreditamos que há potencial de surpresa positiva nos resultados em 2019, além da ação negociar a múltiplos ainda atrativos em nossa visão”.

Veja o portfólio: