Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

País tem 228,6 milhões de celulares, com liderança da Vivo, diz Anatel

Arena do Pavini - 02/07/2019 - 10:53
(Imagem: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Por Arena do Pavini

De acordo com números divulgados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o Brasil tinha 228,64 milhões de linhas móveis em operação no mês de maio, o que representa uma redução de 6,83 milhões de linhas (-2,90%) em 12 meses.

Entre abril e maio de 2019, o volume de linhas ativas se mantive praticamente estável, com um pequeno aumento de 7,89 mil unidades. A Agência também informou que as linhas pós-pagas totalizaram 103,64 milhões (45,33% do total) e as pré-pagas 125,00 milhões (54,67%).

Vivo lidera, mas todas têm redução

A Vivo registrou 73,69 milhões de linhas ativas (32,23% do total) em maio de 2019, seguida da Claro com 56,48 milhões (24,70%), da TIM com 55,31 milhões (24,19%) e da Oi com 37,56 milhões (16,43%).

A Vivo registrou 73,69 milhões de linhas ativas (32,23% do total) em maio de 2019 (Imagem: Equipe Money Times)

Nos últimos 12 meses, todas as grandes prestadoras apresentaram redução: Vivo menos 1,41 milhão (-1,88%), Claro menos 2,58 milhões (-4,37%), TIM menos 1,80 milhão (3,15%) e Oi menos 1,30 milhão (-3,35%).

Na comparação entre abril e maio deste ano, a Vivo registrou mais 103,72 mil linhas móveis (+0,14%), a Claro mais 100,50 mil (+0,18%) e a TIM mais 100,71 mil (+0,18%).

Das grandes, apenas a Oi teve redução, menos 19,12 mil (-0,05%).
Em maio de 2019, dos três maiores mercados da telefonia móvel no país, o estado de São Paulo com 63,68 milhões de linhas (27,85% do total) registrou crescimento de 1,11 milhão de unidades (+1,77%) nos últimos 12 meses.

Minas Gerais totalizou 21,71 milhões (9,50%), redução de 672,97 mil (-3,01%), e o Rio de Janeiro com 19,17 milhões (8,39%), diminuição de 1,28 milhão (-6,27%).

Entre abril e maio de 2019, São Paulo teve aumento de 25,01 mil linhas móveis (+0,04%) e Minas Gerais mais 18,88 mil (+0,09%), enquanto o Rio de Janeiro diminuição de 24,72 mil (-0,13%).

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Última atualização por Rafael Borges - 02/07/2019 - 10:57