Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

JP Morgan: Mercados devem atingir novas máximas e inversão não indica recessão

Valter Outeiro da Silveira - 19/08/2019 - 7:44
Analistas enxergam espaço para maior valorização a frente (Imagem: Bloomberg)

Para o JPMorgan, os mercados acionários podem atingir novas máximas apesar dos temores recentes em torno da inversão da curva de Treasuries dos EUA, indicativo de recessão em doze meses.

“Continuamos a acreditar que, depois da correção de agosto, as ações deverão atingir novas máximas no primeiro semestre do ano”, afirmou Mislav Matejka, head de ações global e da Europa, conforme apurado pela reportagem da Bloomberg.

“Existe maior chance potencial de pico no mercado neste ciclo até o verão de 2020, como previamente projetamos”, disse, em referência a novas máximas até o meio do ano que vem.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Nervosismo

Matejka avalia ainda que o momentum atual difere das últimas inversões pelo ambiente de juros negativos ao redor do mundo.

“A inversão da curva pode ser mais um indicador de extremo nervosismo dos mercados no momento presente de maior ação dos bancos centrais do que um sinal certo de que os EUA estão prestes a entrar em uma recessão”, avalia o JP Morgan.

Leia mais sobre: Ações, EUA, Internacional, JPMorgan

Última atualização por Valter Outeiro da Silveira - 19/08/2019 - 7:44