Últimas Notícias IR 2018 Carteiras recomendadas Comprar ou vender Finanças Pessoais Cripto Economia
Cotações por TradingView

Mercados

Índice futuro do Ibovespa abre quarta-feira com desvalorização

Investing.com Brasil - 16/05/2018 - 9:21

Investing.com – O índice futuro do Ibovespa inicia a sessão desta quarta-feira com leve desvalorização de 0,16% aos 85.668 pontos, depois de fechar praticamente estável na véspera. O dia ser movimentado, com os investidores atentos aos desdobramentos de uma possível volta na tensão entre Estados Unidos e Coreia do Norte.

Pyongyang cancelou abruptamente as negociações com Seul, colocando em dúvida uma cúpula entre os EUA e a Coreia do Norte. O cancelamento pode elevar as tensões na península coreana, mesmo com os investidores preocupados com as negociações comerciais entre a China e os EUA e com a sustentabilidade do crescimento econômico global.

Por sua vez, dados fortes de vendas no varejo e da indústria nos EUA na terça-feira elevaram o rendimento do título de 10 anos dos EUA para 3,095 por cento, nível mais alto desde julho de 2011, levantando preocupações sobre custos de empréstimos mais latos para empresas em todo o mundo.

O mercado aguarda ainda notícias sobre uma segunda rodada de negociações comerciais entre os EUA e China em Washington nesta semana.

Por aqui, mais uma vez os balanços de companhias brasileiras seguem no radar dos investidores, além da reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom), que deve decidir hoje pelo corte da taxa Selic para 6,25% ao ano.

O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), espécie de sinalizador do Produto Interno Bruto (PIB), encolheu 0,74 por cento em março, fechando o primeiro trimestre de 2018 com queda de 0,13 por cento em relação aos três últimos meses do ano passado, informou o BC nesta quarta-feira.

O resultado de março ante fevereiro veio bem pior que a expectativa de analistas em pesquisa da Reuters, de queda de 0,10 por cento.

Bolsas Internacionais

Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,44 por cento, a 22.717 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,13 por cento, a 31.110 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,70 por cento, a 3.169 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,80 por cento, a 3.892 pontos.

Na Europa, com as bolsas abertas, o DAX, de Frankfurt, avança 0,39% aos 13.021,28 pontos, enquanto em Paris o CAC registra valorização de 0,20% aos 7.737,75 pontos. Já em Londres, o FTSE tem ganhos de 0,04% aos 5.558,43 pontos.

Commodities

Os contratos futuros do minério de ferro, negociados na bolsa chinesa de mercadorias de Dalian, encerram a jornada desta quarta-feira com desvalorização de 0,92% a 482,50 iuanes por tonelada do produto, fechando assim a sessão com variação de 4,50 iuanes nos papéis com data de vencimento em setembro.

Para o vergalhão de aço, que tem seus contratos futuros negociados em Xangai, o ativo de maior liquidez, para entrega em outubro, fechou o dia estável a 3.677 iuanes para cada tonelada. Já o segundo ativo mais negociado, com vencimento em janeiro de 2019, houve alta de 13 iuanes para 3.532 iuanes para cada tonelada.

No caso do petróleo, que apesar da desvalorização permanece em níveis elevados, a cotação o barril do tipo WTI, negociado em Nova York, recuou 0,17% a US$ 71,19, o que representa queda de US$ 0,12. Do outro lado do oceano, em Londres, o Brentcai 0,66% a US$ 77,91, ou desvalorização de US$ 0,52.

Mercado Corporativo

A Eletrobras (SA:ELET3) registrou lucro líquido de R$ 56 milhões no primeiro trimestre, 96% inferior ao lucro de R$ 1,378 bilhão obtido no mesmo período do ano passado, em meio a perdas no segmento de distribuição e maiores provisões. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) recuou 70% para R$ 1,244 bilhão.

O segmento de distribuição teve resultado líquido negativo de R$ 1,91 bilhão, com destaque para o prejuízo da controlada Amazonas distribuição no montante de R$ 1,339 bilhão, informou a estatal nesta quarta-feira.

Conselho de Administração da Eletropaulo (SA:ELPL3) autorizou a companhia a avançar com operações para captações de até R$ 1,44 bilhão em debêntures e notas promissórias, segundo atas de reuniões do colegiado divulgadas pela companhia nesta terça-feira.

No caso das debêntures, foi dado aval para a contratação do banco Itaú BBA como intermediário líder para uma emissão de debêntures simples sob regime de garantia firme no valor de até R$ 700 milhões. O colegiado também aprovou emissão de até R$ 740 milhões em notas promissórias em série única.

A mineradora Vale (SA:VALE3) concluiu a venda da sua subsidiária Vale Cubatão Fertilizantes para a Yara Brasil Fertilizantes SA, recebendo 255 milhões de dólares em dinheiro. A empresa adquirida detém e opera ativos de nitrogenados e fosfatados.

A venda faz parte de um plano para a redução da dívida e simplificação do portfólio de ativos da Vale, segundo comunicado da empresa. O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou o acordo na semana passada.

Agenda de Autoridades

A quarta-feira de Michel Temer terá como compromisso oficial reunião com Alexandre Baldy, ministro de Estado das Cidades. Em seguida o presidente recebe João Monteiro de Barros Neto, presidente da RedeVida de Televisão. Ainda pela manhã, Temer tem encontro também com Alberto Goldman, membro do Conselho Deliberativo da Fundação de Previdência Complementar do Estado de São Paulo.

De noite, o presidente participa da Solenidade de abertura do 90º ENIC – Encontro Nacional da Indústria da Construção.

Já o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, inicia o dia participando do evento CAIXA: Reunião de trabalho “Seleção Caixa em campo pelo Brasil”. Mais tarde, participa do 3º Ciclo de Grupos de Trabalho do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES). De tarde faz visita de cortesia ao senador Tasso Jereissati (PSDB/CE). O ministro encerra o dia com reunião com Rossieli Soares, Ministro da Educação.

Com Reuters.

Por Investing.com

Leia mais sobre: Mercados
 

Últimas Notícias