Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Índice dólar se estabiliza depois de Williams inflamar esperança de corte maior

Investing.com Brasil - 19/07/2019 - 7:23
Dolar
Índice dólar estável após discurso do presidente do Federal Reserve de Nova York John Williams (Imagem:Marcello Casal JrAgência Brasil)

Por Investing.com 

O dólar estava se consolidando em níveis mais baixos na manhã desta sexta-feira na Europa e estava prestes a encerrar a semana aproximadamente onde começou, depois de um discurso do presidente do Federal Reserve de Nova York John Williams que reviveu esperanças de um grande corte da taxa de juros na próxima reunião de política do Fed.

“É melhor tomar medidas preventivas do que esperar que o desastre se desenrole”, disse Williams (NYSE:WMB) em uma conferência ao banco central. “Quando você tem tanto estímulo à sua disposição, vale a pena agir rapidamente para reduzir as taxas ao primeiro sinal de dificuldade econômica.”

O comentário ressuscitou esperanças de que o Fed reduza sua taxa de fundos do Fed em 50 pontos base – em vez da visão de consenso mais modesta de 25 pontos base – na reunião do Federal Open Market Committee em 30 e 31 de julho. Mais tarde, os discursos proferidos pelos membros do Fed Eric Rosengren e James Bullard darão pistas adicionais sobre se a opinião de Williams é a maioria.

Os comentários derrubaram o índice dólar, que acompanha a força da moeda em relação a uma cesta de dívisas de mercados desenvolvidos, caindo cerca de meio por cento na quinta-feira, mas se recuperou durante a noite para negociar a 96,537 às 4h05.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

A perspectiva de afrouxamento da política monetária dos EUA deu aos bancos centrais dos mercados emergentes mais confiança para reduzir suas próprias taxas de juros sem prejudicar suas moedas. Indonésia, Coréia do Sul e África do Sul reduziram suas taxas chave em 25 pontos-base na quinta-feira, mas a rúpia atingiu uma nova alta de 15 meses contra o dólar, enquanto a rand atingiu alta de sete meses.

Na Europa, o euro e a libra esterlina também se beneficiaram dos comentários de Williams, a libra britânica subiu acima de US$ 1,25 novamente depois de atingir uma baixa de dois anos abaixo de US$ 1,24 no início desta semana. O euro subiu para US$ 1,1282, antes de recuar para US$ 1,1263, com o índice de preços ao produtoralemão mais baixos do que o esperado em junho, lembrando os investidores de ação do Banco Central Europeu em sua reunião do conselho governante na semana que vem.

A Bloomberg informou na quinta-feira que o BCE iniciou uma revisão de como definir sua meta de inflação, algo que poderia levar a uma política monetária mais flexível por mais tempo.

Leia mais sobre: Dólar, EUA, Internacional, Moedas

Última atualização por Valter Outeiro da Silveira - 19/07/2019 - 8:18