Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Embraer assina novos contratos de suporte com empresas da África e Europa

17/10/2019 - 9:06
Para as operadoras, o acordo significa uma economia significativa nos custos de reparo, além da redução do espaço necessário para armazenamento de materiais no estoque

A Embraer (EMBR3) anunciou nesta quinta-feira (17) a assinatura de novos contratos de manutenção com operadoras da África e da Europa, o que garantirá melhor operação com suporte de última geração por meio da TechCare. A novidade foi divulgada no evento MRO Europa, um dos principais sobre manutenção aeronáutica do mundo.

Para as operadoras, o acordo significa uma economia significativa nos custos de reparo, além da redução do espaço necessário para armazenamento de materiais no estoque, garantindo melhores níveis de desempenho. O programa Pool de suporte da Embraer oferece manutenção total de componentes e peças e acesso ilimitado ao estoque dos centros de distribuição da companhia.

Dos clientes europeus já existentes, a Helvetic Airways acrescentou ao contrato suporte para mais sete aeronaves do modelo E190. A francesa Pan Européenne Air Service renovou a parceria para jatos ERJ 135 e ERJ 145. A britânica Flybe também fez a renovação e continuará utilizando os benefícios para toda a frota de jatos E175 e E195.

Já na África, a Royal Air Charters, da Zâmbia, contratou suporte para o seu novo ERJ 145.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

“Estamos satisfeitos em assinar e renovar esses contratos de pool, que são um importante endosso desses clientes da África e Europa à qualidade superior e ao escopo do portfólio de serviços da Embraer”, disse Johann Bordais, Presidente e CEO da Embraer Serviços & Suporte. “Isso reforça nosso comprometimento em garantir a disponibilidade da frota e a redução de custos, possibilitando que nossos clientes tenham um elevado desempenho.”

Última atualização por Diana Cheng - 17/10/2019 - 9:06