Últimas Notícias Imóveis Carteiras recomendadas Comprar ou vender Finanças Pessoais Cripto Economia
Cotações por TradingView

Carnaval

Carnaval: Vice-Campeã Paraíso do Tuiuti terceirizou samba-enredo

Equipe Money Times - 14/02/2018 - 18:29
A Tuiuti volta à Avenida neste sábado para o desfile das campeãs. Foto: Facebook

Em um movimento que, à época, foi visto como surpreendente, a vice-campeã do carnaval carioca Paraíso do Tuiuti preferiu terceirizar a composição do samba-enreda ao contrário de prestigiar a própria ala de compositores da agremiação. O fato ganhou maior destaque após o desfile ter sido um dos mais aclamados na Sapucaí, principalmente devido ao tom crítico à reforma Trabalhista.

No enredo “Meu Deus, Meu Deus, está extinta a escravidão?”, a Tuiuti desfilou no Grupo Especial no domingo e terminou com o vice-campeonato, atrás da Beija-Flor. A escola quis mostrar que mesmo após a libertação das pessoas escravizadas ainda não houve integração, igualdade de direitos e de cidadania para os negros. Os três jurados concederam a nota 10 para o enredo. Os intérpretes escolhidos foram Cláudio Russo, Moacyr Luz e parceiros.

(Foto: Jessica Wolfie ‏@JessicaOliverss)

Além disso, uma consulta feita pelo ILISP (Instituto Liberal de São Paulo) aos microdados do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho, revelou que a Paraíso do Tuiuti só empregou três pessoas pela CLT em 2017. O desfile se tornou o segundo maior assunto do Twitter mundial na segunda-feira.

De acordo com o levantamento, “duas das contratações ocorreram em maio de 2017: dois jovens aprendizes de 16 e 17 anos de idade foram contratados por 20 horas semanais cada, com prazo determinado e salário de R$ 553,00 mensais. Em outubro de 2017 ocorreu a terceira contratação: um homem de 23 anos de idade e ensino superior completo foi recontratado por 40 horas semanais e salário de R$ 2.618,00 por mês”.

No ano passado, ao perder o controle, um carro da Tuiuti colidiu com as laterais da avenida, deixando 20 pessoas feridas, uma das quais não resistiu e morreu cerca de dois meses depois. A Tuiuti volta à Avenida neste sábado para o desfile das campeãs.

A Paraíso do Tuiuti foi fundada em 1954 e sua história começa no Morro do Tuiuti, no bairro de São Cristóvão. Durante grande parte de sua trajetória, a escola foi pouco conhecida. A primeira participação no Grupo Especial ocorreu em 2001, o que só voltou a se repetir no ano passado.

(Com Agência Brasil)

Leia mais sobre: Carnaval, Reforma Trabalhista

Últimas Notícias