Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

BTG mantém recomendação de compra e projeta 2019 positivo para BR Malls

Investing.com Brasil - 18/01/2019 - 13:42

Por Investing.com – Com as perspectivas positivas para 2019, o BTG Pactual (BPAC11) manteve a recomendação de compra para as ações da BR Malls (BRML3), entendendo que as condições macroeconômicas devem sustentar a companhia. O preço-alvo segue em R$ 15,00.

+ Veja aqui quais são as pequenas gigantes da Bolsa que podem te ajudar a transformar centavos em milhões

Na avaliação dos analistas, a maior confiança do consumidor, com a recuperação das vendas do varejo, a BR Malls deve ter resultados melhores, com a diminuição dos descontos aos lojistas, repasse da inflação aos aluguéis e também a menor taxa de vacância e inadimplência. Isso, na visão do banco, leva ao crescimento das receitas e melhora do Ebitda. Para eles, a ação é atualmente negociada a 17x P/FFO 2019E, representando um grande desconto para níveis históricos.

11 ações que irão mandar bem nos resultados do 4º trimestre, segundo o BTG

O relatório foi enviado a clientes após um encontro dos analistas com o diretor de Relações Institucionais, Derek Tang, para discutir o setor de shopping centers e as perspectivas da empresa. No geral, os principais destaques foram: as vendas do quarto trimestre tiveram bom desempenho, beneficiadas pelos eventos Black Friday e Natal, e as perspectivas para 2019 são ainda mais promissoras. A BR Malls está confiante em sua estratégia de renovar seu portfólio e reciclar alguns ativos e a implantação do Delivery Center em outros shoppings e regiões.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

A equipe destaca que a confiança da BR Malls em sua estratégia de três pilares (qualidade do portfólio, gerenciamento de passivos e inovação). A empresa continua focada em modernizações e na renovação do mix de lojas de seus principais shoppings (Tier 1 e 2), enquanto busca oportunidades de reciclagem para os ativos não essenciais.

Além disso, a BR Malls vê espaço para novas reduções nos custos da dívida e está totalmente focada na transformação digital, dizendo que a integração do offline com o mundo on-line é vital para os shoppings prosperarem.

O Delivery Center deve expandir sua plataforma para mais shoppings, que têm como meta cerca de 200 ativos no Brasil, o que poderia torná-la a plataforma mais relevante para atingir os consumidores em diversos segmentos e um benefício para as vendas dos shoppings

Apesar disso, a BR Malls não acredita que o Delivery Center será significativo para seu resultado. No entanto, a empresa pode ter que injetar mais capital no Delivery Center para manter uma participação de 30 a 50% na empresa.

Última atualização por Diana Cheng - 18/01/2019 - 13:42