Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Vice-presidente dos EUA adota postura agressiva em guerra comercial com a China

Valter Outeiro da Silveira - 20/09/2019 - 8:05
Bandeira EUA
“A era de redenção econômica está acabada”, afirmou o vice-presidente (Imagem: Pixabay)

O vice-presidente dos EUA Mike Pence adotou postura mais agressiva na questão comercial com a China durante a conferência Delivering Alpha, focada para investidores institucionais.

“A era de redenção econômica está acabada”, afirmou aos investidores, destacando ainda que, além do déficit comercial de US$ 500 bilhões com a China, o país rouba propriedade intelectual dos EUA todos os anos, conforme apurado pela reportagem da CNBC.

O déficit comercial da maior economia do mundo com o gigante asiático foi de US$ 419,2 bilhões em 2018, alta de 11,7% em relação a 2017, de acordo com dados oficiais do U.S. Census Bureau.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Administrações tolerantes

Pence avalia que administrações passadas foram condescendentes com o avanço da China e a decorrência para o nível de emprego dos EUA. “Por muito tempo uma administração atrás da outra, administrações republicanas e democratas estavam dispostas a aceitar notáveis desvantagens para os trabalhadores e empregos norte-americanos em nome do comércio com a China”, afirmou Pence.

“Esses dias estão acabados, nós continuaremos permanecendo fortes”, completou Pence. “A população norte-americana pode ficar confiante que o presidente Trump continuará a ficar forte”.

Por fim, Pence defende a postura de Trump. “O que eu quero dizer é que o que o presidente está fazendo com a China é defender a economia norte-americana, defender os interesses norte-americanos”, completou.

Última atualização por Valter Outeiro da Silveira - 20/09/2019 - 8:05