Últimas Notícias Cotações Governo Bolsonaro Comprar ou Vender Empresas Economia
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Veja a melhor carteira recomendada de novembro

Investing.com Brasil - 05/12/2018 - 14:07

Por Investing.com – A tensão crescente no mercado internacional não se sobrepôs ao otimismo e recuperação de confiança dos investidores do mercado interno após a vitória de Jair Bolsonaro nas eleições presidenciais, que embalaram o Ibovespa em novembro.

Na cena externa, os investidores acompanharam de perto a escalada da guerra comercial entre os EUA e a China, que foi parcialmente suspensa no último final de semana. O pessimismo também se multiplicou com as incertezas na Europa, com foco nas negociações do Brexit e sobre o deficitário orçamento italiano.

As commodities sofreram com o ambiente negativo e o petróleo afundou para o menor valor em 12 meses após o WTI furar o piso de US$ 50/barril, acumulando perdas de 22% no mês.

A crescente aversão ao risco internacional fez os investidores retirarem R$ 3,1 bilhões da Bovespa até 29 de novembro, último dado disponível.

O apetite do investidor interno, contudo, reverteu a pressão de baixa do Ibovespa e, com foco na percepção de um governo mais pró-mercado a partir de janeiro, a demanda superou as vendas e o índice marcou o terceiro mês seguido de ganhos, com +2,38%. No último pregão de novembro, o índice marcou recorde histórico de fechamento e, no intraday, superou os 90 mil pontos.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Banrisul garante segundo mês na liderança das recomendações

O bom humor no mercado interno que empurrou o Ibovespa também favoreceu 21 das 24 carteiras recomendadas por corretoras, bancos e casas de análises acompanhadas pelo Investing.com Brasil, que encerraram o mês no terreno positivo. Dessas, 15 também superaram o principal benchmark da bolsa de São Paulo.

Resultado das carteiras recomendadas em novembro

A liderança do mês ficou novamente com o Banrisul (BRSR6), que havia se destacado no mês de outubro. O portfólio do banco avançou 7,5% em novembro, ancorado nas apostas em Copel (CPLE6), Ferbasa (FESA4), Sanepar (SAPR4) e BTG Pactual (BPAC11), que subiram mais de 10%.

Dos 10 papéis indicados, houve dois desempenhos negativos com perdas de 13% em QGEP (QGEP3) e 1,5% na BR Properties (BRPR3).

Carteira do Banrisul lidera em novembro

O Itaú marcou o segundo lugar com ganhos de 7,0%, impulsionados pelas apostas na Azul (AZUL4), Bradesco (BBDC4) e Estácio (ESTC3), que registraram ganhos entre 12% e 14%. A Socopa registrou um portfólio totalmente no azul e garantiu o terceiro lugar com valorização de 5,4%.

Petrobras afunda com petróleo e pressiona carteiras

A queridinha do mês decepcionou os analistas do mercado e atrapalhou a o desempenho das recomendações do mês. A Petrobras (PETR4) apareceu em 17 das 24 carteiras acompanhadas pelo Investing.com Brasil e acabou devolvendo parte dos ganhos de outubro seguindo a derrocada do petróleo no mercado internacional. Ainda no setor de commodities, Vale (VALE3), Gerdau (GGBR4) e Usiminas (USIM5) também pesaram sobre as recomendações.

Queridinha do mês, Petrobras decepciona em novembro

Das 10 ações mais indicadas, seis registraram mês no positivo e superaram o Ibovespa, com destaque para o setor financeiro. Bradesco (BBDC4), Itaú (ITUB4), B3 (B3SA3) e Banco do Brasil (BBAS3) subiram entre 4% e 12% e ajudaram os portfólios. O setor de consumo, representado por Lojas Renner (LREN3) e Pão de Açúcar (PCAR4) completam a ponta vencedora.

Natura lidera alta; Oi decepciona investidor

Entre os 89 papéis indicados por corretoras, bancos e casas de análise em novembro, a Natura (NATU3) apresentou o melhor desempenho. O ganho de 25,5% no mês foi embalado pelo bom resultado do terceiro trimestre e as boas perspectivas de recuperação do consumo interno.

TOP5 entre as recomendadas

O impasse em relação ao futuro da Oi (OIBR3) e o fraco resultado do trimestre pesaram sobre o papel, que registrou o pior resultado do mês com recuo de 31%.

Veja abaixo todas as recomendações para novembro

Todas as carteiras recomendadas para novembro

*O Investing.com Brasil utiliza como padrão para análise de desempenho das carteiras a comparação entre os preços dos ativos no fechamento do pregão de 31 de outubro e o do fechamento de 30 de novembro, com ajustes por proventos, desdobramentos e grupamentos. Algumas recomendações utilizam outros valores e datas de entrada nos papéis e, por isso, podem apresentar resultado mensal diferente do calculado pelo Investing.com Brasil.

**Para as apostas em VVAR11, foi considerado o valor de entrada no papel no final de outubro e o valor somado no final de novembro dos três papéis ordinários VVAR3 no qual foi convertido.