Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Veja 5 dicas para manter seu negócio vivo

Bruno Andrade - 18/07/2019 - 18:53
Controle financeiro é fundamental para manter o funcionamento da empresa nos primeiros cinco anos, diz o Sebrae (Imagem: Pixabay)

Todo empreendedor encontra dificuldades para emergir com seu negócio. Uma prova disso é que 60% das empresas fecham nos seus cinco primeiros anos, de acordo com dados do IBGE. A grande questão é: o que o empreendedor deve fazer para se manter na ativa e não seguir o “rebanho”?

Segundo o Sebrae, cinco dicas são importantíssimas para manter a empresa em pleno funcionamento e ser um empreendedor de sucesso. Confira:

1 – Saiba negociar com fornecedores e clientes

Procure preços baixos, prazos para pagamentos que se encaixem em seu planejamento financeiro. Se puder, encontre pagamentos à vista que deem desconto. No quesito cliente, procure cativá-los e crie incentivos para pagamentos à vista ou no débito.

Continua depois da publicidade

2 – Identifique e corte gastos

O Sebrae afirma que cortar gastos é importantíssimo e até faz uma metáfora com o assunto: “Gastos são igual a unha, podem ser cortados sempre”. A instituição ainda ressalta que “não é raro que empresas fechem as portas pela má administração do capital de giro”. Sendo assim, o empreendedor deve sempre ficar atento ao fluxo de caixa.

3 – Controle financeiro

A recomendação do terceiro item é que o individuo que está começando o seu empreendimento deve anotar todos os saques em sua empresa, mas deve ficar atento principalmente às suas próprias retiradas e anotá-las para não perder o controle.

Continua depois da publicidade

“Não deixe que as retiradas superem o seu pró-labore, pois isso pode gerar um profundo desequilíbrio financeiro. Seja vigilante com o seu controle financeiro.”, afirma o Sebrae.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

4 – Acompanhe o estoque

Muitas empresas não sabem lidar com o estoque e acabam gastando de forma exacerbada com o mesmo, o que acarreta em uma acumulação de produtos e pode gerar uma aproximação da data de validade do mesmo, podendo ocasionar prejuízos. Sendo assim, o Sebrae afirma que o administrador deve ficar atento para comprar somente o que é importante, e não gastar o dinheiro do caixa, o que pode comprometer o capital de giro.

Continua depois da publicidade

5 –  Cuidado com os empréstimos

Fazer empréstimos pode ser uma boa solução para alavancar o negócio ou pagar fornecedores, mas o microempresário deve ficar atento para não se endividar e ficar no vermelho. Atenção e planejamento total com as possibilidades de pagamento e a perspectiva de realizá-los sem comprometer o funcionamento orgânico da empresa são fundamentais.

Confira no vídeo as 5 dicas:

Continua depois da publicidade

 

Última atualização por Diana Cheng - 18/07/2019 - 18:53