Cotações por TradingView

Trump aumenta pressão na China e dispara: existe chance de não acordo

Valter Outeiro da Silveira - 13/03/2019 - 20:15
Presidente norte-americano aumenta senso de urgência para fechamento do acordo

O presidente Donald Trump pressionou a China para o fechamento do acordo comercial bilateral, em meio a crescente preocupação dos investidores sobre possível saída norte-americana da negociação.

“Podemos ter o acordo completo, vir aqui e assinar, ou podemos ter o acordo quase completo e negociar alguns pontos finais”, declarou Trump, à imprensa na Casa Branca, ressaltando a escolha pela segunda opção: “preferiria isso [negociar pontos finais]. Mas isso não importa muito”.

As declarações de Washington adicionam receios em oficiais de Pequim, pela possibilidade existente, porém remota, de abandono por Trump das negociações entre as duas maiores economias do mundo.

Continua depois da publicidade

Este especialista listou os motivos pelos quais ele elegeu as 3 melhores empresas para investir neste ano…[leia mais]

Saída existente

Adicionando pressão na China, Trump disparou: “o presidente Xi viu que eu sou alguém que acredita na saída de um acordo não realizado, e você sabe que existe sempre uma chance disso acontecer”.

Do lado ocidental, a existência do “enforcement”, ou seja, cláusulas de garantia de cumprimento dos acordos acertados, é condição imprescindível para fechamento do acordo.

Para o gigante asiático, a perda de mercado relevante para suas exportações, sendo 70% do PIB dos EUA composto pela variável “Consumo”, a imprevisibilidade das ações de Trump, e a pressão para concessões de última hora por Pequim, são os pontos de preocupação.

Money Times no Messenger!
Notícias selecionadas para você