Últimas Notícias IR 2018 Carteiras recomendadas Comprar ou vender Finanças Pessoais Cripto Economia
Cotações por TradingView

Comprar ou vender?

Com Alckmin à frente do PSDB, mercado calibra apostas para Previdência

Equipe Money Times - 28/11/2017 - 9:04

Olá, bom dia! Este é o TradersClub Daily com tudo o que você precisa saber agora.

Já conhece o TradersClub? Acompanhe o debate em tempo real!

Abaixo, os principais destaques da imprensa brasileira e da comunidade de investidores TradersClub:

Comprar ou Vender?

Acompanhe as análises em tempo real no canal #relatórios do Tradersclub

$VALE Vale/ BTG – O BTG Pactual elevou a recomendação para as ações da Vale (VALE) de neutra para compra, mostra um relatório enviado a clientes na noite de segunda-feira (27). O preço-alvo para a ADR (American Depositary Receipt) negociada em Nova York saltou de US$ 9 para US$ 14. O valor corresponde a um potencial de valorização de aproximadamente 28%. Leia mais

UBS/ Ações – O UBS elegeu nove ações brasileiras em uma lista de 20 Top Picks para a América Latina, mostra um relatório enviado a clientes e obtido pelo Money Times. São elas: Via Varejo ($VVAR11), Cteep ($TRPL4), BRF ($BRFS3), Klabin ($KLBN11), Petrobras ($PETR4), Rumo ($RAIL3), Banco do Brasil ($BBAS3), B3 ($BVMF3) e Tupy ($TUPY3). Leia mais

UBS/ Setores – Em um extenso relatório, o UBS revelou as suas preferências e as ações a serem evitadas em 2018 no Brasil com base em uma projeção geral otimista para o mercado brasileiro. A estimativa para o Ibovespa é de 84 mil pontos. Leia aqui as principais apostas em 14 setores. São 17 recomendações de compra e 8 de papéis a serem deixados de lado.

Empresas

Acompanhe o debate sobre as empresas com gestores e investidores no canal tc_pro no TradersClub

$ETER3 Eternit/ Amianto – A Eternit informa que decidiu substituir a utilização do amianto crisotila por fibras sintéticas, na produção de telhas de fibrocimento. A mudança será concluída até o mês de dezembro de 2018. Leia mais

$VALE3 Vale/ Nacala – A Vale informou que as empresas do Corredor Logístico de Nacala (CLN), na fronteira de Moçambique e Malaui, assinaram os contratos de financiamentos de US$ 2,730 bilhões para seu desenvolvimento. O corredor servirá para escoar a produção de carvão da mina de Moatize, em Moçambique. Leia mais

OGPar/ CEO – A Óleo e Gás Participações recebeu carta de renúncia de Paulo Narcélio Simões do Amaral, que exercia os cargos de diretor presidente, financeiro e de Relações com Investidores da companhia. Em reunião realizada nesta segunda-feira, 27, o conselho de administração elegeu Pedro de Moraes Borba como diretor presidente e de Relações com Investidores. Leia mais

Fusão/ Tecnologia – O Peixe Urbano e o Groupon Brasil anunciaram a fusão de suas operações no país após a atuação do fundo de investimento latino-americano Mountain Nazca que, em fevereiro, que adquiriu a operação do Groupon América Latina. Leia mais

Economia & Política

Confiança/ Comércio – O Índice de Confiança do Comércio (Icom) teve ligeiro recuo de 0,1 ponto na passagem de outubro para novembro, para 92,4 pontos, informa a FGV.

Previdência/ Maia – O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse que será difícil colocar a reforma da Previdência em votação em 2017. Ele ressaltou, no entanto, que tentará acelerar as discussões do tema para que a votação ocorra ainda este ano, mas destacou que em um cenário “ideal”, a análise da proposta deveria ocorrer em fevereiro de 2018. Leia mais

Previdência/ Novo texto – Com o novo texto da reforma da Previdência, definido na semana passada pelo Palácio do Planalto e pelo deputado Arthur Maia (PPS-BA), relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC), o governo deve deixar de economizar cerca de R$ 320 bilhões no período de dez anos, ou cerca de 40% da economia estimada na comparação com a proposta inicial enviada no ano passado ao Congresso.

Liderança/ PSDB – O governador Geraldo Alckmin aceitou comandar o PSDB após desistência de Tasso Jereissati e Marconi Perillo, se fortalecendo como candidato à Presidência pelo partido.

Fazenda/ Bolsonaro – Se eleito presidente na eleição de 2018, o deputado Jair Bolsonaro deve convidar o economista Paulo Guedes para assumir o Ministério da Fazenda.

Acordo/ Planos econômicos – A Advocacia-Geral da União (AGU), representantes de bancos e associações de defesa do consumidor anunciaram acordo financeiro para encerrar os processos na Justiça que tratam sobre perdas financeiras causadas por planos econômicos das décadas de 1980 e 1990. Participaram das negociações, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o Instituto de Defesa do Consumidor (Idec) e a Frente Brasileira dos Poupadores (Febrapo). Os valores não foram divulgados oficialmente, mas pessoas envolvidas nas negociações informaram que a indenização total deve variar entre R$ 11 bilhões e 15 bilhões. Leia mais

Eleições/ 2002 – A negativa de Luciano Huck em disputar as eleições de 2018 e a perda de fôlego de João Doria como um candidato viável, ao menos no PSDB, vai tornando o cenário do ano que vem mais parecido ao visto em 2002, avalia a consultoria política Pulso Público em um relatório enviado a clientes. Leia mais

Aneel/ Energia – A Agência Nacional de Elergia Elétrica (Aneel) divulgou que a bandeira tarifária para o mês de dezembro será vermelha, mas no patamar 1, com custo um pouco menor, de R$ 3 a cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos.

CPI/ Eike Batista – A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito do BNDES ouve na quarta-feira (29) o empresário Eike Batista, em reunião com início às 14h30 na sala 19 da ala Alexandre Costa. Leia mais

MP/ Petróleo – O presidente da Petrobras, Pedro Parente, esteve no Palácio do Planalto e saiu otimista de uma reunião convocada pelo presidente Michel Temer com ministros e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Parente recebeu uma sinalização de que o governo vai trabalhar pela aprovação da Medida Provisória (MP) 795/2017, que trata do regime tributário especial para as atividades de exploração, desenvolvimento e produção de petróleo, de gás natural e de outros hidrocarbonetos fluidos.

MP/ Dívidas rurais – Devido à falta de quórum, o Plenário da Câmara dos Deputados encerrou a sessão extraordinária destinada a analisar a Medida Provisória 793/17, que permite o parcelamento de dívidas de produtores rurais (pessoas físicas, cooperativas e intermediários) com descontos e diminui em 40% a contribuição social sobre a receita bruta devida pelo setor a título de contribuição previdenciária dos trabalhadores rurais. A MP perde a vigência nesta terça-feira (28), à meia-noite.

Internacional

EUA/ Impostos – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se reúne com líderes republicanos do Senado para decidir a votação da reforma tributária, que pode acontecer ainda nesta semana.

Fed/ Powell – O indicado para assumir a presidência do Federal Reserve, Jerome Powell, será sabatinado e pode sinalizar como ele pretende dar continuidade ao ciclo de alta na taxa de juros norte-americana.

Leia mais sobre: Comprar ou vender?, TradersClub
 

Últimas Notícias