Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Startup de finanças descentralizadas levanta US$ 25 milhões em rodada liderada pelo fundo a16z

17/11/2019 - 12:00
O mercado de finanças descentralizadas é importante para muitos entusiastas que desconfiam do governo e do sistema bancário tradicional (Imagem: Facebook)

A startup de finanças descentralizadas Compound, que permite que os usuários obtenham juros sobre suas participações em criptomoedas ou tomem empréstimos com garantias com tokens apoiados em ETH, levantou US$ 25 milhões em uma rodada de financiamento da Série A liderada pelo fundo de criptomoedas a16z da Andreessen Horowitz. Conforme publicado na Fortune.

Essa rodada de investimentos fez da Compound um dos maiores investimentos em capital de risco para startups de finanças descentralizadas até o momento. Dados do DeFi Pulse mostram que a startup tem cerca de US$ 101 milhões em criptomoeda empenhadas na sua plataforma, com mais de 0,3% do suprimento total de ETH.

Projetos baseados em Finanças Descentralizadas (Descentralized Financials – DeFi) têm sido um tema destacado nos últimos meses, com o crescimento de projetos como Nexo, Celsius Network, BlockFi e outros. Em 02 de outubro, noticiamos aqui que a Coinbase lançou um fundo (USDC Bootstrap Fund) para apoiar desenvolvedores de protocolos DeFi. O cenário tem sido promissor nesse segmento ligado à indústria financeira baseada em blockchain.

O financiamento descentralizado tornou-se um dos setores mais ativos entre negócios baseados em criptomoedas em 2019. Protocolos de empréstimo, tokens de segurança, derivativos, bolsas e muito mais, o cenário de DeFi não param de crescer.

Em julho, o mercado de Aplicativos Descentralizados (dApps) teve um crescimento explosivo, com o valores de transações subindo de menos de US$ 5 milhões para US$ 42 milhões em menos de um mês. Leia mais sobre essas iniciativas aqui.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
O Segredo das Criptomoedas

Última atualização por Leandro França de Mello - 15/11/2019 - 18:55