Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Quer investir? Veja carteiras de março do Bradesco BBI para todos tipos de perfis

Valter Outeiro da Silveira - 01/03/2019 - 15:41

O Bradesco BBI  divulgou suas carteiras recomendadas para o mês de março, destacando quais são suas 10 ações favoritas, aquelas focadas em dividendos e, as com perfil de risco maior e as prediletas no universo das small caps.

No mês de fevereiro, os analistas apontam como destaques positivos as ações de B3 (B3SA3), Petrobras (PETR4) e Sanepar (SAPR11). “As ações da B3 continuaram refletindo a expectativa positiva para o mercado acionário brasileiro”, afirmam. Em relação as ações da petrolífera, o Bradesco BBI aponta que a empresa detêm “direcionadores interessantes para 2019”, como resolução da transferência de diretos do pré-sal, venda de ativos para desalavancagem e valuation atrativo frente pares internacionais.

Apenas para investidores: melhores small caps reveladas

Por fim, as ações da Sanepar tiveram desempenho positivo, de acordo com o Bradesco BBI, pela possibilidade de antecipação das parcelas da revisão tarifária de 2017.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Top 10

Para o mês de março, a equipe de análise optou por quatro alterações no portfólio “Top 10”: retirada das ações da B3 (B3SA3), da CVC (CVCB3), da Gerdau (GGBR4) e da Rumo (RAIL3). Em substituição, entram os papeis de Cemig (CMIG4), Burguer King (BKBR3), Usiminas (USIM5) e Suzano (SUZB3).

“Em março, voltamos a incluir as ações da Usiminas, nossa top pick em siderurgia”, declaram os analistas, destacando ainda a escolha das ações da Cemig pelo “valuation ainda interessante considerando as perspectivas mais positivas para os próximos resultados”.

Confira carteira recomendada do Bradesco:

Dividendos em foco

Por sua vez, a carteira de dividendos, “focada na alta previsibilidade do fluxo de caixa gerado pelas empresas de sua composição”, é indicada para investidores mais conservadores. Para este mês, há a exclusão das ações da B3 (B3SA3) para entrada dos papéis do Banco do Brasil.

O Bradesco BBI acredita que o banco produzirá ganhos positivos, por estar apresentando melhorias sequencias de ROE e taxa média do crescimento anual do lucro de 14% entre 2018 e 2021. “Estimamos que ofereça rentabilidade com dividendos (dividend yield) da ordem de 4%”, aponta a instituição.

Confira carteira recomendada de dividendos para março:

Tomando mais risco: carteira arrojada

A carteira arrojada do Bradesco BBI é utilizada por investidores com maior tolerância ao risco, possuindo retornos mais atrativos por conta disso também, ao gerar “maior potencial de valorização em um cenário positivo para a bolsa”.

Para março, os analistas realizaram três alterações: retirada das ações de B3 (B3SA3), Duratex (DTEX3) e Gerdau (GGBR4) para entrada dos papeis de Suzano (SUZB3), Usiminas (USIM5) e Petrobras (PETR4).

Confira carteira arrojada de março:

Small Caps

Encerrando suas carteiras recomendadas, o portfólio voltado para small caps busca investir em empresas com capitalização menor, porém com perspectiva de crescimento superior àquelas já em fase madura.

A carteira recomendada de small caps manteve a escolha dos mesmos setores, “privilegiando as companhias mais voltadas para o crescimento da economia local, com tendência positiva para os resultados de médio prazo”.

Para março. saem as ações da CVC (CVCB3) para entrada dos papeis da Alpargatas (ALPA4).

Confira carteira recomendada de small caps:

Money Times no Messenger!
Notícias selecionadas para você
Recomendados para você
Exclusivo: Método de Luiz Barsi é revelado em curso inédito