Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Tudo o que você precisa saber agora

Equipe Money Times - 10/01/2019 - 9:35

Olá, leitor! Este é o Pré-Market Money Times, com uma compilação de tudo o que você precisa saber agora:

O índice futuro do Ibovespa inicia a sessão desta quinta-feira com desvalorização de 0,44% aos 93.680 pontos, depois de encerrar a véspera com alta superior a 1%. O desempenho está em linha com as bolsas da Ásia e Europa, bem como dos índices futuros de Wall Street.

Os preços ao produtor na China avançaram em dezembro no ritmo mais fraco em mais de dois anos, um sinal preocupante de riscos deflacionário que podem levar Pequim a adotar mais políticas de suporte para ajudar a estabilizar a economia. A inflação ao consumidor também desacelerou na comparação com o ano anterior devido aos preços mais baixos de itens não alimentícios.

DEIXE O SEU E-MAIL ABAIXO PARA RECEBER O PRÉ-MARKET EM SEU E-MAIL

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Comprar ou Vender

B3/Moody’s – O crescimento econômico mais forte e as baixas taxas de juros impulsionarão os negócios da bolsa B3, afirma a Moody’s Investors Service em um novo relatório. A empresa continuará com resultados e geração de fluxos de caixa muito fortes, o que reduzirá ainda mais os índices de alavancagem financeira,  suportando o seu rating de emissor Ba1. Leia Mais

Credit Suisse/Siderúrgicas – A agenda liberal do governo do presidente Jair Bolsonaro pode levar à redução das tarifas de importação de aço para o setor siderúrgico, com um possível impacto para as siderúrgicas brasileiras, principalmente para produtos como aços planos e longos. Leia Mais

Mercados

Minério de ferro/Commodities – Na jornada desta quinta-feira na bolsa de mercadorias de Dalian, na China, os contratos futuros do minério de ferro tiveram um dia de desvalorização. O ativo de maior volume de negócios, para o mês de maio deste ano, encerrou com perdas de 1,17% a 507,00 iuanes por tonelada, montante que representa queda de 6 iuanes.

Ásia/ Bolsas – Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,29 por cento, a 20.163 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,22 por cento, a 26.521 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,36 por cento, a 2.535 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,19 por cento, a 3.072 pontos.

Europa/Bolsas – Nos principais mercados acionários da Europa, a quinta-feira também se mostra negativa. Em Frankfurt, o DAX tem queda de 0,38% aos 10.854 pontos, enquanto que em Londres, o FTSE perde 0,14% aos 6.897 pontos. Já em Paris, o CAC cede 0,72% aos 4.780 pontos.

Empresas

Enel/Demissões –  A italiana Enel abriu um plano de demissão voluntária em sua subsidiária de distribuição de energia no Estado de São Paulo, a antigaEletropaulo (ELPL3), adquirida pela companhia no primeiro semestre do ano passado.

Petrobras/Diesel – A Petrobras (PETR4) anunciou nesta quarta-feira que elevará o preço médio do diesel em suas refinarias em 2,5 por cento na quinta-feira, na primeira alta desde 1o de janeiro, para 1,9009 real por litro.

Economia e Política

Inflação/IGP-M – O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), usado no reajuste dos contratos de aluguel, teve inflação de 0,03% na primeira prévia de janeiro. A taxa é superior à prévia de dezembro, que acusou deflação (queda de preços) de 1,16%. Leia Mais

Senado/Votação – O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, decidiu ontem (9) que a votação para a eleição da nova Mesa Diretora do Senado, prevista para 1º de fevereiro, deverá ser secreta. A decisão foi tomada pelo ministro em função do período de recesso no Judiciário. A decisão de Toffoli vale até o dia 7 de fevereiro, quando o plenário do STF deverá decidir se referenda sua liminar. Leia Mais

Previdência – O secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, afirmou nesta quarta-feira que até 2 milhões de benefícios previdenciários deverão ser auditados por terem indícios de irregularidades, dentro do escopo da medida provisória antifraude que deve ser assinada até segunda-feira pelo presidente Jair Bolsonaro.

Ministério da Economia – O governo estuda indicar o economista Roberto de Oliveira Campos Neto para um cargo no Ministério da Economia, enquanto ele não assume o comando do Banco Central, para que acompanhe o ministro Paulo Guedes ao Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, como integrante da equipe econômica.

Conab/Soja – O Brasil deverá produzir 118,8 milhões de toneladas de soja na safra 2018/19, já em colheita, estimou nesta quinta-feira a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em um corte ante a previsão do mês passado, de 120,06 milhões de toneladas, após uma estiagem afetar as lavouras.

Inflação/IPC – O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo iniciou o ano com variação positiva de 0,06 por cento na primeira quadrissemana de janeiro, depois de ter fechado dezembro com alta de 0,09 por cento, informou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta quinta-feira. O IPC-Fipe mede as variações quadrissemanais dos preços às famílias paulistanas com renda mensal entre 1 e 10 salários mínimos.

Apex/Indicação – O embaixador Mario Vilalva deverá assumir a presidência da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), vinculada ao Ministério das Relações Exteriores. O nome de Vilalva foi apresentado hoje (9) ao presidente Jair Bolsonaro pelo ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

Bolsonaro/Bolsa – O presidente Jair Bolsonaro comemorou hoje (9) o fato de a Bolsa de Valores ter atingido nesta quarta-feira uma máxima histórica. Para o presidente, o recorde se soma ao otimismo que predomina no governo que assumiu há pouco mais de uma semana. Ele reagiu, por meio da conta pessoal, no Twitter. Leia Mais

Internacional

Coreia do Norte/China – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, devem ter um segundo encontro. A data ainda não foi definida, mas a disposição foi apresentada pelo norte-coreano em conversa com o presidente da China, Xi Jinping, durante visita a Pequim.

Venezuela/Maduro – Sob críticas e suspeitas internacionais, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, toma posse hoje (10) do seu terceiro mandato que irá até 2025. Ele conta com o respaldo das Forças Armadas e da Suprema Corte. Porém, sofre resistência interna da Assembleia Nacional que é comandada pela oposição.

EUA/FED – Um outro grupo de autoridades do Federal Reserve disse nesta quarta-feira que teria cautela quanto a qualquer alta adicional nas taxas de juros, para que o banco central possa avaliar os riscos crescentes para uma perspectiva econômica sólida dos Estados Unidos.

Os presidentes de três dos 12 bancos regionais do Fed—Chicago, St. Louis e Atlanta — indicaram a necessidade de maior esclarecimento sobre o estado da economia antes de estender pelo quarto ano a política de aumento de taxas do banco central.

Dois dos três presidentes, Charles Evans de Chicago e James Bullard de St. Louis, têm direito a voto este ano no Comitê Federal de Mercado Aberto, que determina as políticas do banco.

Receba dicas EXCLUSIVAS de investimento em seu e-mail – Não é propaganda