Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Polos em águas profundas serão 88% de exploração e produção da Petrobras em 2020

19/11/2019 - 17:07
Petróleo Petrobras
A mudança ocorrerá enquanto a empresa realiza um programa bilionário de vendas de ativos (Imagem: REUTERS/Bruno Domingos)

A Petrobras (PETR3PETR4) calcula que seus ativos em águas profundas e ultraprofundas representem 88% do total de polos de exploração e produção (E&P) no próximo ano, contra 55% atualmente, afirmou nesta terça-feira o diretor-executivo de Relacionamento Institucional da petroleira estatal, Roberto Ardenghy.

A mudança ocorrerá enquanto a empresa realiza um programa bilionário de vendas de ativos, que tem como foco adequar o portfólio para projetos de maior retorno financeiro, essencialmente o pré-sal, nas bacias de Campos e Santos.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Nesse cenário, os polos de exploração e produção em águas rasas devem representar no próximo ano apenas 2% do total, nos planos da Petrobras, contra 8% atualmente. Já os polos em terra devem atingir 10%, ante 37% na mesma comparação.

Última atualização por Renan Dantas - 19/11/2019 - 17:07