Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Pedido de falência da Odebrecht pela Caixa não tem fundamentos para seguir adiante, afirma Guide

04/10/2019 - 14:39
Odebrecht
A corretora acredita que “a resolução da recuperação judicial da Odebrecht com os bancos continua sendo o principal trigger de curto prazo para a Braskem” (Imagem: Reuters/Amanda Perobelli)

A Guide Investimentos disse que não vê fundamentos para que o pedido de falência do grupo Odebrecht, protocolado pela Caixa Econômica Federal ontem (4), siga adiante no momento. Apesar disso, a corretora acredita que o impacto no curto prazo é negativo.

Tendo feito o pedido de recuperação judicial em junho, a Odebrecht teve seu plano de recuperação rejeitado pela Caixa, que vem contestando a decisão da empreiteira em incluir no plano donos de bônus emitidos por uma unidade no exterior.

Segundo o banco, a ação faz parte de uma estratégia cuja finalidade é aprovar um plano que contraria outros credores.

“Outro ponto importante é o fato de que a Caixa não está participando diretamente das negociações com a Odebrecht em função de não possuir garantias nos empréstimos concedidos ao grupo. Com isso a Caixa está em contato com os outros bancos de forma direta para acompanhar a negociação”, complementou a Guide, citando a matéria do Valor Econômico.

Em relação à Braskem (BRKM5), a corretora acredita que “a resolução da recuperação judicial da Odebrecht com os bancos continua sendo o principal trigger de curto prazo para a petroquímica”.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Última atualização por Diana Cheng - 04/10/2019 - 14:39

Brasil e Índia assinam acordos em tecnologia, energia e segurança