Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Pão de Açúcar e Carrefour avançam com o crescimento de vendas no setor

Investing.com Brasil - 04/10/2019 - 15:44
Para o presidente da entidade, João Sanzovo Neto, o resultado acumulado mostra que a economia brasileira está começando a reagir

Por Investing.com

O bom desempenho do setor de supermercados em agosto puxa a valorização das ações do Pão de Açúcar (PCAR4) e do Carrefour (CRFB3) na tarde desta sexta-feira na B3. Mais cedo, a Associação Brasileira de Supermercados (Abras) informou que as vendas acumulam ganhos de 3,39% em 2019, entre janeiro e setembro. Somente em agosto, as vendas reais registraram alta de 4,25% na comparação com o mês de julho e crescimento de 7,10% em relação ao mesmo mês de 2018.

Desta forma, por volta das 15h10 horas, as ações do GPA avançavam 1,31% a R$ 80,61 , com Carrefour somando 1,49% a R$ 20,50.

Para o presidente da entidade, João Sanzovo Neto, o resultado acumulado mostra que a economia brasileira está começando a reagir. “Em agosto, foram criadas 121,4 mil vagas de empregos formais, e o acumulado chegou a 593,4 mil postos, segundo o Caged, o melhor desempenho para o período desde 2014. Além disso, outros fatores também impactaram nossos números, o crédito à pessoa física aumentou, a inflação segue estável, e os juros caindo.”

Apesar do acumulado ultrapassando os 3% de crescimento previstos pela entidade nacional para o setor em 2019, o presidente diz que ainda é preciso cautela em relação a uma nova projeção de vendas.

Preços

O indicador Abrasmercado, que identifica as oscilações de preços dos 35 produtos mais consumidos no autosserviço, registrou queda de -1,90% em agosto, passando de R$ 483,84 para R$ 474,64. Já no acumulado dos 12 meses, a cesta teve alta de 3,51% na comparação com agosto de 2018.

De acordo com a GfK, responsável pela apuração do Abrasmercado, as maiores quedas nos preços foram registradas nos itens: tomate, -31,92%, batata, -7,64%, leite em pó integral, -3,18%, e feijão, -3,12%. As altas foram identificadas nos produtos: cebola, 5,93%, farinha de mandioca, 3,84%, biscoito cream crack, 2,03%, e detergente líquido para louça, 1,59%.

Índice de Confiança

Os empresários do autosserviço estão mais otimistas, de acordo com o Índice de Confiança do Supermercadista, elaborado pela ABRAS em parceria com a GfK. Depois de uma queda, o indicador voltou a apresentar crescimento. A pesquisa registrou 55,6 pontos, na última avaliação, divulgada em junho, o índice estava em 54,9 pontos. Dentre o principal motivo citado pelos supermercadistas está a economia, que aos poucos tem mostrado sinais de recuperação.

Última atualização por Vitória Fernandes - 04/10/2019 - 15:46