Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Natura salta mais de 8% e lidera ganhos do Ibovespa com lucro de R$ 132,8 mi

Investing.com Brasil - 09/11/2018 - 14:39

Natura

Por Investing.com – Liderando os ganhos do Ibovespa nesta sexta-feira, as ações da Natura (NATU3) apresentam forte valorização de 8,05% a R$ 35,55, puxada pelo forte resultado apresentado pela companhia no terceiro trimestre do ano, quando viu seu lucro mais do que dobrar e ir para R$ 132,8 milhões.

Para a Coinvalores, esse desempenho é explicado pelos bons resultados dos três negócios. Na Natura, Brasil e Latam apresentaram aumento nas principais categorias e em vendas online, com ganhos de participação de mercado e produtividade das consultoras, enquanto as vendas da The Body Shop cresceram como resultado do faturamento das compras de Natal pelos franqueados.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

A corretora destaca que a Aesop registrou forte crescimento online e no conceito mesmas-lojas. O EBITDA consolidado cresceu 7,2% ante o 3T17, dado o maior volume de vendas e menor impacto das despesas G&A no resultando. Por fim, o lucro líquido do período ficou 117,9% maior, apesar dos efeitos contábeis hiperinflacionários na Argentina e custos de transformação da The Body Shop.

Do ponto de vista da Brasil Plural (BPFF11), os números obtidos pela companhia estão alinhados com o discurso da empresa sobre a execução assertiva e robusta de sua estratégia global, que possibilitou números sólidos, com todas as marcas apresentando forte desempenho no trimestre.

A equipe de analistas destaca que a base de consultores da Natura continuou a aumentar no trimestre, enquanto a produtividade manteve o crescimento de dois dígitos por consultora. Além disso, a empresa também anunciou que suas vendas online cresceram a dois dígitos e já existem 650 mil consultores usando sua plataforma móvel.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Resultado

A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) avançou 7,2 por cento entre julho e setembro, para 478,8 milhões de reais.

Desconsiderando os efeitos da hiperinflação na Argentina e outros efeitos no Brasil, incluindo custos de transformação da marca The Boody Shop, o Ebitda ajustado pró-forma foi de 496,6 milhões de reais, alta de 33,7 por cento ano a ano.

A Natura ainda apurou receita líquida consolidada de 3,24 bilhões de reais no terceiro trimestre, alta de 37,1 por cento ano a ano, e a margem bruta aumentou 240 pontos base, para 73,3 por cento. Só no Brasil, a companhia registrou um crescimento de 9,4 por cento nas vendas e margem bruta de 70,3 por cento.

Ao mesmo tempo, os gastos totais com vendas, marketing e logística aumentaram 55,8 por cento na mesma comparação, para 1,534 bilhão de reais, enquanto a despesa financeira líquida caiu 40,5 por cento, para 163,9 milhões de reais.

Última atualização por Diana Cheng - 09/11/2018 - 14:40