Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Modelo elétrico da Porsche pode superar produção de icônico 911

Bloomberg - 29/07/2019 - 14:38
Pouco mais de um mês antes de seu lançamento oficial em setembro, a Porsche já recebeu entradas para cerca de 30 mil Taycans (Imagem: Alex Kraus/ Bloomberg)

O icônico esportivo 911 da Porsche, símbolo de luxo da marca alemã há décadas, pode em breve ser eclipsado pelo modelo Taycan, movido a bateria, em termos de entregas.

Pouco mais de um mês antes de seu lançamento oficial em setembro, a Porsche já recebeu entradas para cerca de 30 mil Taycans, e a demanda inicial reforça os planos para elevar a produção anual do primeiro modelo totalmente elétrico da marca para 40 mil veículos, disse o analista da Evercore ISI, Arndt Ellinghorst, em nota na segunda-feira.

A Porsche entregou 35,6 mil unidades do modelo 911 no ano passado. Com isso, o Taycan – com preço estimado em cerca de US$ 90 mil – estaria no caminho para ultrapassar o herói da era da combustão e definir o perfil da marca para a próxima geração.

O sucesso do Taycan é fundamental para a Volkswagen, que controla a Porsche, para aumentar o apelo dos carros elétricos enquanto se prepara para o lançamento de veículos movidos a bateria em todas as faixas de preço. A chegada do Taycan também poderia representar um novo desafio para o Model S da Tesla, um veículo-chave para Elon Musk em seus esforços para tornar rentável sua montadora, líder na fabricação de carros elétricos.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

A Tesla não detalhou os planos para reformular seu demandado sedã de luxo Model S, que está à venda desde 2012, e aposta no Model 3 para atingir o mercado de larga escala. Embora as vendas tenha subido, os retornos mais baixos do modelo aceleraram as perdas e levantam novas dúvidas sobre se a fabricação e venda de carros elétricos pode ser um negócio sustentável e lucrativo.

Última atualização por Vitória Fernandes - 29/07/2019 - 14:38