Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Minério de ferro recua 3,47% na bolsa de Dalian, na China

Investing.com Brasil - 03/06/2019 - 8:31
Commodity recuou 3,47% (Wikimedia Commons)

Por Investing.com

A jornada desta segunda-feira, que deu início ao mês de junho, foi marcada por forte queda nos contratos futuros do minério de ferro, negociados na bolsa de mercadorias da cidade chinesa da Dalian. O ativo de maior liquidez, com vencimento em setembro deste ano, perdeu 3,47% a 709,00 iuanes por tonelada, o que representa uma variação diária de 25,50 iuanes.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

O primeiro dia útil da semana também foi negativo para os preços dos papéis do vergalhão de aço, que são transacionados na bolsa de mercadorias da cidade de Xangai, também na China. O contrato mais negociado, com data de entrega em outubro deste ano, caiu 62 iuanes para um total de 3.707 iuanes por tonelada. Já o segundo mais líquido, de janeiro de 2020, perdeu 54 iuanes para 3.457 iuanes por tonelada.

Continua depois da publicidade

As ações de Xangai terminaram a primeira sessão do mês em baixa por preocupações de que as tensões comerciais possam aumentar os riscos de uma desaceleração global, e com investidores preocupados que as medidas de estímulo do governo possam impactar a liquidez.

As ações de Shanghai terminaram a primeira sessão do mês em baixa por preocupações de que as tensões comerciais

Em maio, os mercados acionários da China e de Hong Kong registraram as piores quedas mensais desde outubro com a aceleração das tensões comerciais entre Estados Unidos e China.

A queda desta segunda-feira aconteceu depois de declarações do regulador de ativos de que a guerra comercial está afetando os mercados de capital, mas que o impacto é controlável.

Com Reuters.

Leia mais sobre: China, Commodities, Minério de ferro, Vale
Money Times no Messenger!
Notícias selecionadas para você