Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Mercado Livre tem lucro menor, mas receita líquida cresce 60,6% no trimestre

Agência Estado - 03/11/2017 - 20:41

Mercado Livre

A empresa de comércio eletrônico Mercado Livre divulgou na noite dessa quinta-feira, 1º, lucro líquido de US$ 27,7 milhões de julho a setembro, uma queda de 28,8% ante o número obtido no mesmo período de 2016, de US$ 38,9 milhões. A receita líquida, no entanto, foi de US$ 370,7 milhões no terceiro trimestre, um crescimento de 60,6% em relação a igual intervalo do ano passado.

Apesar de o crescimento da receita ser um fator comum em todos os países onde o Mercado Livre atua, alguns players se destacaram nesse terceiro trimestre: o Brasil registrou expansão de 71%, a Argentina, de 51%, o México, 82%, a Colômbia, 42%, o Chile, 45%, e Uruguai, 91%. Os compradores únicos aumentaram em 31,1% em relação ao ano anterior, impulsionados pelo desempenho de Brasil e México.

No Brasil, a receita líquida de julho a setembro foi de US$ 229,475 milhões, ante US$ 131,003 em igual intervalo de 2016. O lucro bruto do Mercado Livre foi de US$ 175,8 milhões, com uma margem de crescimento de 47,4%, contra 63,1% no terceiro trimestre do ano interior. Essa diminuição é atribuída ao aumento nos custos de fornecimento de frete grátis.

Continua depois da publicidade

Além desse ponto específico, outro motivador para a desaceleração do crescimento foram as despesas operacionais totais, de US$ 148,3 milhões, um aumento de 61,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. O volume bruto de mercadorias superou a marca de US$ 3 bilhões pela primeira vez, atingindo US$ 3,075 bilhões.

(Por Catharina Obeid, especial para o Broadcast)

Leia mais sobre: Empresas, Mercado Livre, Resultados

Última atualização por - 05/11/2017 - 13:45