Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

M. Dias Branco quer espalhar donuts pelo Brasil, mas ainda precisa de consistência

Diana Cheng - 17/10/2019 - 9:59
M. Dias Branco
Para obter crescimento no alcance de distribuição, a companhia precisaria construir novas ferramentas, avaliou o BTG (Imagem: Divulgação M. Dias Branco)

O BTG Pactual (BPAC11) manteve sua recomendação neutra para as ações da M. Dias Branco (MDIA3), com preço-alvo de R$ 35, mesmo patamar da cotação do último fechamento.

A neutralidade impera, segundo o banco, até melhor visualização sobre uma base maior de sucesso da nova estratégia adotada pela companhia, focada em distribuidores terceiros de regiões, onde sua penetração é mais baixa.

“A M. Dias Branco está criando oportunidades em setores adjacentes – o novo objetivo de se tornar o número um em donuts (uma categoria que vem crescendo no Brasil) em 2020 é um bom exemplo disso – enquanto tenta a sua entrada em segmentos de mercado mais saudáveis em que carece a figura de um líder”, destacaram os analistas Thiago Duarte e Henrique Brustolin.

Para obter crescimento no alcance de distribuição, a companhia precisaria construir novas ferramentas, disse o banco. Isso inclui desenvolver produtos e serviços diferentes para clientes diferentes.

“Nos últimos três anos, os custos de distribuição subiram 150 pontos-base nas margens, portanto, mudanças são claramente necessárias, embora continuemos incertos quanto ao que isso deve significar em termos de margens a longo prazo”, analisou o BTG.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Investor Day

Duarte e Brustolin participaram da M. Dias Branco Investor Day, realizada em São Paulo, e classificaram o evento como um “rito de passagem”.

Analistas do banco disseram não ter como prever o crescimento da companhia, que enfrenta uma série de desafios (Divulgação/Piraquê)

“Nós não paramos de pensar sobre como a M. Dias Branco está se transformando de uma companhia baseada em indústria e distribuição com foco no consumidor para um player com mais sofisticação comercial e abordagem granular em relação à segmentação de marca, preço e categoria”, afirmaram os analistas.

Desta vez, não há como prever o crescimento da companhia, disse o BTG. A M. Dias Branco está encarando uma série de desafios e precisa intensificar suas operações comerciais.

Última atualização por Valter Outeiro da Silveira - 17/10/2019 - 9:59