Últimas Notícias Cotações Governo Bolsonaro Comprar ou Vender Empresas Economia
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Itaú BBA passa a apostar em ação da Azul em carteira Top 5

Gustavo Kahil - 22/10/2018 - 14:50

Randon

O Itaú BBA retirou as ações da Randon (RAPT4) de sua carteira recomendada Top 5 para dar espaço aos papéis da Azul (AZUL4), mostra um relatório enviado a clientes nesta segunda-feira (22).

Segundo o time de estratégia, a fabricante de carrocerias de caminhão entrou no portfólio em 24 de agosto após uma forte queda na Bolsa e ao apresentar bons dados de produção de veículos pesados e pelo posicionamento da empresa no mercado.

“Continuamos com uma expectativa de bons resultados para os próximos trimestres, mas, dada a alta expressiva de 33% desde a adição na carteira (versus Ibovespa +10,4%), preferimos realizar lucros”, explicam.

A carteira ainda é composta por Gerdau (GGBR4), Bradesco (BBDC4), Estácio (ESTC3) e Minerva (BEEF3).

Azul

Azul

A entrada da Azul se dá pela visão de que o preço das ações possuem um maior potencial de valorização. Além disso, a companhia aérea apresenta sólidos fundamentos, como um histórico de constante expansão de margens anualmente.

“Nossos analistas acreditam que mesmo que uma alta dos preços do petróleo e um real mais depreciado devam pressionar margens esse ano, a Azul continua sendo uma história de constantes expansões de margens anualmente”, apontam.

Segundo a avaliação, ainda há espaço para expansão de margens devido a maior eficiência dos A320 NEOs, ao aumento das receitas auxiliares e a maior diluição de custos e despesas.

“Acreditamos que a empresa seja um caso de crescimento de baixo-risco por causa da renovação por aeronaves mais modernas e eficientes no mercado doméstico. No mercado internacional, a ideia é conectar a robusta rede de rotas no Brasil com destinos específicos onde os parceiros da Azul possuem operações relevantes”, destacam.

Últimas Notícias