Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Itália lidera alta de índices europeus; foco recai sobre negociações entre Fiat e Renault

Reuters - 21/08/2019 - 14:40
As ações automobilísticas foram impulsionadas pelas expectativas de negociações de fusão entre a Fiat Chrysler e a Renault (Imagem: Pixabay)

Os mercados acionários europeus terminaram na máxima de duas semanas nesta quarta-feira, liderados pela recuperação das ações italianas e com investidores apostando que sinais mais concretos de estímulo dos bancos centrais ajudarão a diminuir os temores da desaceleração global.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 1,15%, a 1.479 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 1,21%, a 376 pontos.

O índice italiano subiu 1,8%, recuperando-se de vendas generalizadas provocadas pela crise política.

A renúncia do primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, na terça-feira deixou os investidores nervosos com a contínua instabilidade política de Roma, mas também sinalizou que um novo acordo de coalizão pode estar em andamento.

O principal partido de oposição da Itália, o Partido Democrático, disse nesta quarta-feira que está pronto para conversar com o movimento 5-Estrelas sobre a formação de um governo após o colapso da coalizão populista anterior.

No fronte corporativo, as ações automobilísticas foram impulsionadas pelas expectativas de negociações de fusão entre a Fiat Chrysler e a Renault.

O jornal italiano Il Sole 24 Ore informou que as negociações entre as montadoras podem estar em jogo novamente, depois que uma fusão multibilionária proposta para criar a terceira maior companhia automobilística do mundo entrou em colapso em junho.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Sinais de que governos e bancos centrais estão prontos para intervir com medidas adicionais para impulsionar o crescimento global ajudaram os mercados de ações a sobreviver à volatilidade das últimas semanas, mas o índice pan-europeu STOXX 600 ainda segue em direção a terminar o mês de agosto em baixa.

Em Londres, o índice Financial Times avançou 1,11%, a 7.203 pontos.

Em Frankfurt, o índice DAX subiu 1,30%, a 11.802 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 ganhou 1,70%, a 5.435 pontos.

Em Milão, o índice Ftse/Mib teve valorização de 1,77%, a 20.847 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,97%, a 8.701 pontos.

Em Lisboa, o índice PSI20 valorizou-se 0,67%, a 4.853 pontos.

Última atualização por Bruno Andrade - 21/08/2019 - 14:41