Últimas Notícias Perspectivas 2019 Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Inflação americana suporta promessa de paciência do Fed

Investing.com Brasil - 11/01/2019 - 16:33

Por Investing.com – Os preços ao consumidor nos EUA subiram em linha com as expectativas em dezembro, reforçando a possibilidade de que o Federal Reserve mantenha suas atuais perspectivas de política estáveis.

Chegou o Pré-Market Money Times! CADASTRE AGORA e Receba antes do mercado

O índice de preços ao consumidor subiu 1,9% em comparação a um ano atrás, enquanto o núcleo da inflação, que exclui custos voláteis com alimentos e energia, aumentou 2,2%.

Ambas as leituras coincidiram com a leitura no mês anterior e estavam de acordo com as previsões de consenso.

Os mercados mostraram pouca reação aos dados com os futuros de ações e o dólarficando mais baixo, enquanto o rendimento do título do Tesouro dos EUA com vencimento em 10 anos recuava e o ouro manteve ganhos.

“Tais dados não devem alterar a função de reação do Fed”, disse o conselheiro econômico-chefe Mohamed El-Erian após o relatório.

O Fed geralmente tenta apontar para uma inflação de 2% ou menos.

GRÁTIS: DEIXE SEU E-MAIL ABAIXO E RECEBA O MELHOR PRÉ-MARKET DO BRASIL

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

O presidente do Fed, Jerome Powell, fez comentários na quinta-feira que serviram como mais um sinal de que os formuladores de políticas não estão com pressa de aumentar as taxas de juros, já que querem controlar a desaceleração do crescimento global e a volatilidade dos mercados financeiros que pode gerar impacto na economia americana.

“Especialmente com a inflação baixa e sob controle, temos a capacidade de sermos pacientes e vigiarmos com paciência e cuidado ao descobrir qual dessas duas narrativas será a história de 2019”, disse Powell.

Leia mais sobre: EUA, Inflação, Internacional