Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ibovespa futuro inicia sessão desta segunda-feira com valorização

Investing.com Brasil - 11/02/2019 - 9:28

Por Investing.com – O índice futuro do Ibovespa inicia a sessão desta segunda-feira com valorização de 0,32% aos 96.695 pontos, em dia que é marcado por ganhos nos mercados internacionais. A semana será mais uma vez marcada pela temporada de balanços e também pela expectativa da apresentação do projeto de reforma da Previdência.

Na cena interna, todas as atenções estão voltadas para a possível apresentação da Proposta de Emenda à Constituição da Reforma da Previdência, que pode ser divulgada nos próximos dias e será um importante catalisador da força do governo de Jair Bolsonaro para encaminhar a aprovação das reformas apontadas como necessárias para a economia.

IGP-M sobe 0,20% na 1ª prévia de fevereiro; em 12 meses, acumulado é de 6,88%

Em paralelo, os investidores estão atentos aos números trimestrais de importante companhias, que serão divulgados ao longo dos próximos dias, destaque para Banco do Brasil (BBAS3) e Usiminas (USIM5). Na agenda econômica, o destaque fica para os dados das pesquisas do varejo e do setor de serviços, referente a dezembro de 2018.

A China adotou um tom positivo nesta segunda-feira, quando as negociações comerciais com os Estados Unidos foram retomadas, mas também expressou irritação com uma missão da Marinha norte-americana no Mar do Sul da China, jogando dúvidas sobre as perspectivas de melhora nos laços entre Pequim e Washington.

Os EUA devem continuar pressionando a China sobre as exigências de que mude a forma como trata a propriedade intelectual das empresas norte-americanas para fecharem um acordo comercial que possa impedir o aumento das tarifas sobre as importações chinesas.

Nos EUA, a semana reserva uma agenda com alguns indicadores de destaque, como é o caso do CPI e dos estoques de petróleo, na quarta-feira, dos pedidos de auxílio-desemprego na quinta-feira e da produção industrial no último dia do período.

Bolsas Internacionais

Em TÓQUIO, o índice Nikkei permaneceu fechado. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,71 por cento, a 28.143 pontos. Em XANGAI, o índice SSECganhou 1,36 por cento, a 2.653 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 1,82 por cento, a 3.306 pontos.

A sessão se mostra positiva para os mercados da Europa, com os principais índices operando com valorização. Em Frankfurt, o DAX tem alta de 1,12% aos 11.028 pontos, enquanto em Londres, o FTSE avança 1,06% aos 7.145 pontos. Já em Paris, o CAC tem ganhos de 1,12% aos 5.017 pontos.

Commodities

Depois de uma semana com mercados fechados devido ao feriado do Ano Novo Chinês, a segunda-feira foi de forte valorização para os contratos futuros do minério de ferro, transacionados na bolsa de mercadorias de Dalian. O ativo de maior liquidez, de maio deste ano, teve ganhos de 7,95% a 652,00 iuanes por tonelada.

No caso do vergalhão de aço, que tem seus papéis transacionados na bolsa de mercadorias de Xangai, também na China, a retomada dos negócios também foi marcada pelo avanço dos preços. O contrato mais negociado, de maio de 2019, somou 90 iuanes para um total de 3.825 iuanes por tonelada. Já o segundo mais líquido, de março, teve alta de 93 iuanes a 3.886 iuanes por tonelada.

Para o petróleo, a sessão desta segunda-feira é marcada por perdas nos preços internacionais. O barril do tipo WTI, referência de Nova York, tem queda de 0,93%, ou US$ 0,49, a US$ 52,23. Já em Londres, o Brent cai 0,35%, ou US$ 0,22, a US$ 61,88.

Mercado Corporativo

A interdição pela prefeitura de Vitória de parte do complexo Tubarão, da mineradora Vale (VALE3), paralisou duas unidades de pelotização de minério de ferro da companhia na capital do Espírito Santo, disse o secretário de Meio Ambiente do município, Luiz Emanuel Zouain, nesta sexta-feira.

A medida, que incluiu uma multa de 35 milhões de reais por conta da emissão de poluentes no mar, interditou parte do sistema de tratamento de efluentes da Unidade Tubarão, com impacto nas atividades do pátio de insumos da Vale, em serviços portuários de carvão e afetando as usinas de pelotização 1 a 4.

“As usinas estão paralisadas”, disse o secretário à Reuters, após encontro com representantes da Vale, em que, segundo ele, não houve acordo para desinterditar parte do complexo.

As usinas de pelotização de Tubarão integram o sistema Sudeste, que responde por mais da metade produção de pelotas da mineradora, que somou ao todo 40 milhões de toneladas nos primeiros nove meses de 2018.

A fintech Nubank anunciou nesta sexta-feira que vai operar crédito pessoal, em mais um passo da plataforma eletrônica de serviços financeiros para concorrer diretamente com os grandes bancos do país.

Os empréstimos começarão a ser oferecidos na próxima segunda-feira, com taxas de juros mensais de 2,1 a 5 por cento ao mês, com o processo todo feito por meio do aplicativo. O prazo dos financiamentos será de até 24 parcelas.

O anúncio chega quase dois meses após o Nubank, que se popularizou a partir de 2014 como uma plataforma digital de cartões de crédito sem taxas de anuidade, ter lançado a função de débito para os novos cartões de clientes.

O presidente-executivo da elétrica estatal de Minas Gerais, Cemig (CMIG4), Bernardo Alvarenga, está deixando o posto na empresa, disse nesta sexta-feira uma fonte com conhecimento do assunto.

“A saída do Bernardo é fato, ele já se despediu dos mais próximos…”, disse a fonte, que pediu anonimato para falar sobre o tema.

Alvarenga, engenheiro eletricista que já havia atuado em outros cargos na Cemig, assumiu o posto no governo anterior, do petista Fernando Pimentel.

Cledorvino Belini foi nomeado nesta sexta-feira como novo diretor-presidente da elétrica estatal de Minas Gerais, a Cemig, informou a empresa em fato relevante.

Belini, que fez carreira na montadora Fiat, tendo presidido a montadora no Brasil e na América Latina, acumulará interinamente os cargos de diretor-vice-presidente, diretor jurídico e diretor de Gestão de Pessoas, acrescentou a elétrica.

O executivo deverá chefiar a companhia em um momento em que o novo governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), tem falado sobre privatização da empresa.

A safra de soja 2018/19 do Brasil foi estimada em 117 milhões de toneladas pelo Departamento de Agricultura dos EUA, queda de 5 milhões de toneladas ante a previsão anterior, uma vez que as lavouras em várias partes do país foram atingidas pela seca e altas temperaturas nos últimos meses.

A projeção desta sexta-feira do USDA ficou em linha com a expectativa do mercado, de 116,99 milhões de toneladas. A colheita 2018/19 do país, maior exportador global da oleaginosa, está em andamento.

A estimativa do USDA aponta uma redução de 3 por cento na safra brasileira na comparação com o recorde da temporada anterior, quando o Brasil superou a colheita norte-americana pela primeira vez na história.

Em 2017/18, segundo o USDA, os EUA colheram 120,07 milhões de toneladas, enquanto o Brasil teve produção de 120,8 milhões de toneladas.

O preço da eletricidade no mercado spot, ou Preço de Liquidação de Diferenças (PLD), chegou ao teto regulatório de 513,89 reais por megawatt-hora nas regiões Sudeste/Centro-Oeste e Sul, disse nesta sexta-feira a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), após uma piora nas projeções de chuva na área das hidrelétricas.

Os preços spot, utilizados no mercado de curto prazo de energia, são fortemente influenciados pelas precipitações devido ao predomínio da geração hídrica na matriz elétrica do país.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

As cotações também influenciam os preços da energia no mercado livre, onde grandes consumidores podem negociar contratos de suprimento diretamente com fornecedores, além de serem levados em conta na definição das bandeiras tarifárias da conta de luz, que elevam custos para os consumidores quando a oferta de energia é menor.

A solução de uma disputa judicial no setor elétrico sobre custos com o chamado “risco hidrológico” é essencial para que o projeto do governo de promover uma capitalização da Eletrobras (ELET3) seja levado adiante, disse nesta sexta-feira o presidente da estatal, Wilson Ferreira Jr..

No aguardo de um acordo sobre o risco hidrológico, algo que está se arrastando nos tribunais desde 2015, uma operação para atrair investimentos para a empresa ficaria para 2020, acrescentou o executivo.

“À medida que a gente tenha uma definição do risco hidrológico, na sequência disso a gente pode começar o trabalho”, afirmou o executivo a jornalistas, após participar de evento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Agenda de Autoridades

O presidente Jair Bolsonaro segue internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde se recupera de uma cirurgia. Com isso, ele segue sem cumprir agenda oficial e, eventualmente, realizando despachos internos.

´Já o ministro da Economia, Paulo Guedes, tem como único compromisso público na agenda desta segunda-feira uma reunião, ao final da tarde, com Onyx Lorenzoni, ministro-Chefe da Casa Civil.

Leia mais sobre: Mercados

Última atualização por Bruno Andrade - 11/02/2019 - 9:33