Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ibovespa futuro abre em queda com preocupação com o crescimento da China

Investing.com Brasil - 14/12/2018 - 9:12

Por Investing.com – Depois de fechar a sessão de ontem com valorização de mais de 1%, o índice futuro do Ibovespa inicia os negócios desta sexta-feira em queda de 0,90% aos 87.820, seguindo assim a tendência das bolsas internacionais. A preocupação do mercado está com o ritmo do crescimento da economia chinesa.

As vendas no varejo da China em novembro cresceram em seu ritmo mais fraco desde 2003 e a produção industrial teve o menor crescimento em quase três anos, à medida que a demanda doméstica diminuiu ainda mais.

A China ainda está a caminho de atingir a metade crescimento do PIB em 2018, de cerca de 6,5 por cento, mas a economia vai enfrentar mais incertezas externas no ano que vem, disse um porta-voz da agência de estatísticas da China.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Nesta sexta-feira, a agenda americana traz como destaque indicadores importantes, como o das vendas do varejo e da produção industrial. No primeiro caso, a expectativa é que novembro tenha apresentado crescimento de 0,1%, contra 0,8% de outubro. Já no segundo, o avanço do setor deve ser de 0,3%, contra 0,1% no mês anterior.

Por aqui, o Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) recuou 1,23 por cento em dezembro, registrando sua taxa mais fraca da série histórica, ante queda de 0,16 por cento no mês anterior, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta sexta-feira.

Bolsas Internacionais

Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 2,02 por cento, a 21.374 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,62 por cento, a 26.094 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 1,53 por cento, a 2.593 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,67 por cento, a 3.165 pontos.

Na Europa, onde os mercados estão em operação, o dia se mostra negativo para a maior parte das praças. Em Frankfurt, o DAX recua 0,98% aos 10.819 pontos, enquanto que em Londres, o FTSE cede 0,77% aos 6.824 pontos. Já em Paris, o CAC tem queda de 0,80% aos 4.857 pontos.

Commodities

A sessão desta sexta-feira foi marcada pela importante valorização nos contratos futuros do minério de ferro, transacionados na bolsa chinesa de mercadorias de Dalian. O ativo com o maior volume de negócios, com vencimento no mês de maio do próximo ano, registrou ganhos de 1,26%, encerrando o dia a 482,00 iuanes por tonelada, o que representa alta de 6,00 iuanes.

Em Xangai, onde são negociados os ativos do vergalhão de aço, o dia também foi marcado por avanço dos preços futuros da commodity. O contrato de maior liquidez, também para o quinto mês de 2019, registrou avanço de 56 iuanes, para um total de 3.445 iuanes por tonelada. No caso do ativo de janeiro, o mais curso e segundo em volume, somou 42 iuanes para 3.740 iuanes por cada tonelada.

A sexta-feira se mostra levemente negativa para os preços internacionais do petróleo. Em Nova York, o barril do tipo WTI é negociado em queda de 0,23%, ou US$ 0,12, a US$ 52,46. Já em Londres, o Brent recua 0,42%, ou US$ 0,26, a US$ 61,19.

Mercado Corporativo

A Avianca Brasil, quarta maior companhia aérea do país, disse que a Justiça aceitou nesta quinta-feira o pedido de recuperação encaminhado por ela na última segunda-feira. Em nota, a empresa afirmou que o juiz Tiago Henriques Papaterra Limongi deferiu o pedido, que tem como objetivo proteger seus clientes.

A companhia vinha negociando uma injeção de capital mesmo antes do pedido de recuperação, disse à Reuters German Efromovich, cuja família controla a transportadora. Efromovich, controlador da Avianca Holdings, disse que estava negociando com fundos, mas não citou nomes. Ele também se recusou a detalhar valores.

A Avianca Brasil enfrentou perdas recorrentes e uma série de ações judiciais de reintegração de posse de aviões. Ela perdeu quatro aviões dias antes do pedido de recuperação, segundo uma fonte com conhecimento do assunto.

A Klabin (KLBN11) informou ter concluído nesta quinta-feira a formação de uma sociedade com a Timber Investment Management (Timo) para explorar atividades florestais em Santa Catarina.

A sociedade, batizada de Guaricana Reflorestadora, recebeu da Klabin um aporte de 4.511 hectares de florestas plantadas de Pinus (não inclui terras), enquanto a Timo aportou 191,6 milhões de reais em caixa. A Klabin terá 69,5 por cento da sociedade.

A Guaricana acertou a compra de 11.541 hectares de terras em Santa Catarina, sendo 7.644 hectares de área útil para plantio, dos quais 7.141 já estão plantados.

“A SPE usará os recursos aportados para efetuar a aquisição e para financiar suas necessidades de capital de giro”, diz trecho do comunicado da Klabin, que terá direito de preferência na compra da produção florestal da Guaricana.

O fluxo de visitantes em shopping centers do Brasil em novembro subiu 1,39 por cento sobre um ano atrás e 2,94 por cento ante outubro, impulsionado pelas ações promocionais de lojas para a Black Friday, informou nesta quinta-feira a Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce).

O levantamento, feito em parceria com a FX Retail Analytics, mostrou que o aumento mês a mês foi puxado principalmente pelas regiões Sudeste (+3,37 por cento) e Sul (+3,3 por cento).

Entre 23 e 25 de novembro, período da Black Friday, o fluxo de visitantes foi 79 por cento maior na comparação com o último fim de semana de outubro. Na comparação com a mesma data em 2017, houve crescimento de 4,5 por cento.

“A expectativa é fecharmos 2018 com uma alta em todos os indicadores, incluindo aumento de faturamento de 6 por cento ante 2017, número que deve se consolidar, especialmente com a proximidade de uma das datas mais importantes do varejo”, afirmou o presidente da Abrasce, Glauco Humai, em referência às festas de fim de ano.

Não há óbices regulatórios para a venda direta de etanol hidratado das usinas aos postos, mas é preciso um equacionamento da questão tributária do PIS/COFINS e do ICMS, concluiu um grupo de trabalho que analisou o tema, após uma Tomada Pública de Contribuições (TPC) aberta pela reguladora ANP.

Uma nota técnica do Grupo de Trabalho divulgada nesta quinta-feira consolidou a análise de 32 manifestações, de toda a cadeia produtiva, sobre a proposta de venda direta de etanol aos postos, que enfrenta oposição principalmente do setor distribuidor.

Atualmente, tramita no Congresso uma proposta de reforma tributária apoiada pelo governo de Michel Temer com a unificação do PIS/Cofins e do ICMS, com outros tributos, na forma de um Imposto sobre Valor Agregado (IVA). A equipe do presidente eleito Jair Bolsonaro também analisa a possibilidade do IVA, mas estuda outras abordagens.

A Renault informou nesta quinta-feira que uma auditoria lançada após a prisão do presidente do conselho e presidente-executivo, Carlos Ghosn, no Japão até o momento não encontrou irregularidades com sua remuneração na montadora francesa.

O comunicado da Renault, divulgado depois de uma reunião de diretoria de cinco horas, pouco ajudou para resolver o impasse com a parceira japonesa Nissan, que acusou Ghosn de má conduta financeira ao descartá-lo como presidente do conselho no mês passado.

O conselho da Renault também pediu que os advogados da empresa continuem examinando um dossiê de denúncias entregues pela Nissan esta semana, afirmou a empresa em comunicado.

Agenda de Autoridades

Nesta sexta-feira, o presidente Michel Temer viaja ao Rio de Janeiro onde participa da cerimônia de lançamento do Submarino Riachuelo (GUAR3). Em seguida, retorna à Brasília, onde não tem agenda pública oficial.

O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, tem como único compromisso público em sua agenda oficial a participação na reunião do Comitê Financeiro da Vale (VALE3).

Com Reuters.

Leia mais sobre: Ibovespa, Mercados
Receba dicas EXCLUSIVAS de investimento em seu e-mail – Não é propaganda