Cotações por TradingView

Ibovespa é a melhor Bolsa de Valores do mundo em 2019, aponta revista Forbes

Investing.com Brasil - 10/01/2019 - 18:39

Por Investing.com – O Ibovespa é a Bolsa de Valores com melhor desempenho no mundo neste início de ano segundo a revista Forbes. A publicação americana, conhecida por publicar a lista das pessoas mais ricas do mundo, aponta o início do governo do presidente Jair Bolsonaro como fator principal para a performance da bolsa brasileira, contrariando perspectivas negativas em relação ao manejo da economia pelo então pré-candidato no passado.

Chegou o Pré-Market Money Times! CADASTRE AGORA e Receba antes do mercado 

Em artigo escrito pelo colunista Kenneth Rapoza, a revista aponta que o Ibovespa está no caminho de ter a maior valorização mundial no primeiro trimestre de 2019 e até do primeiro semestre. Até o momento, o Ibovespa tem uma valorização acumulada de 4,23%, contra 2,91% do S&P 500 e 2,25% do Dow Jones.

Continua depois da publicidade

Rapoza também reitera o otimismo com a economia brasileira com a posse de Bolsonaro, qualificando os 60% de aprovação popular como um fator de legitimidade para a realização de reformas e ajustes econômicos, diferenciando-se do seu antecessor, Michel Temer, que também tinha uma agenda liberal na economia e conseguiu aprovar algumas reformas no Congresso, mas detinha baixos índices de popularidade.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Baseado em um estudo da Fitch, agência de classificação de risco, Rapoza traz dois alertas que podem ofuscar esse bom momento da Bolsa brasileira. O primeiro é a dificuldade do governo Bolsonaro em concretizar as expectativas sobre seu governo com a aprovação das reformas. Outra preocupação é em relação à desaceleração da economia chinesa, que significaria menor vendas de soja e minério de ferro para o gigante asiático.

Por fim, a Fitch projeta um crescimento do PIB de 2,4% neste ano, contra estimativa de um fraco avanço de 1,3% em 2018.

Leia mais sobre: B3, Bolsa de Valores, Ibovespa, Mercado
Money Times no Messenger!
Notícias selecionadas para você