Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Gustavo Cerbasi: Vender imóvel para investir – racional x emocional

-

Por Gustavo Cerbasi, para o BTG Pactual Digital

A casa própria é uma conquista almejada por milhões de brasileiros. Ela representa, em linhas gerais, a independência do aluguel, que muitas vezes consome grande parte do orçamento doméstico. Mas será que vale a pena vender o imóvel para investir? Uma de minhas seguidoras levantou essa dúvida e considero importante compartilhar algumas reflexões aqui no blog.

Abrir mão da casa própria, fruto de tanto empenho, envolve fatores racionais e emocionais. Em primeiro lugar, devemos ponderar que o valor da casa tem impacto direto na dúvida sobre vender imóvel. Quanto maior o montante gerado pela venda, maior o potencial de ganho por meio de aplicações.

No caso da seguidora que levantou a dúvida, o imóvel em questão está avaliado em R$ 500 mil. Vender imóvel para investir, nesse caso, pode proporcionar uma aplicação com ganho mensal que permite o pagamento do aluguel da nova moradia e garante um excedente a ser reinvestido.

Vender imóvel para investir: visão racional

Sob o ponto de vista do planejamento financeiro, vale a pena vender um imóvel e reinvestir o dinheiro na maior parte dos casos – principalmente em um cenário de pouca valorização imobiliária e taxas de juros convidativas para investimentos. A soma desses dois fatores torna muito rentável uma carteira de aplicações que parte de um montante considerável.

Fundamentalmente, um investimento pode se multiplicar em um ritmo mais forte se compararmos ao potencial de valorização do imóvel. Isso só é diferente caso o bairro em que ele está localizado viva um momento de muita expansão.

O ganho mensal das aplicações tende a superar com folgas os gastos com aluguel e condomínio, o que torna bastante racional a decisão de vender a casa própria para investir. A conta se paga e existe uma sobra que pode ser revertida para engordar ainda mais a carteira de aplicações.

Mais do que isso, os investimentos geram um conforto nas finanças da família e possibilita melhores escolhas de consumo, além de formar um pé de meia que, talvez, não fosse viável por outro caminho.

Vender imóvel para investir: visão emocional

O pensamento estritamente racional não é suficiente para tomar uma decisão tão importante como a venda da casa própria. Do ponto de vista financeiro, não restam dúvidas de que o movimento faz sentido, mas devemos levar em conta também as questões emocionais que estão envolvidas.

Para entender o que quero dizer, feche os olhos e pense na sua casa própria – seja ela uma realidade ou uma meta a ser atingida. Cada cômodo mobiliado da forma como você sonhou, tudo no seu devido lugar, o verdadeiro lar, na acepção da palavra. Essa sensação de paz do imóvel quitado e totalmente dentro do que você idealizou vai muito além da visão racional de quanto ele vale e quanto esse dinheiro poderia render em determinado investimento.

Uma casa alugada, por sua vez, dificilmente será tão próxima do que você considera ideal como moradia e a questão contratual, muitas vezes, limita as possibilidades de adaptações de decoração e arquitetura.

Você deve vender imóvel ou não?

A conclusão a respeito do tema deste artigo é que se trata de uma decisão individual de cada família. É preciso avaliar com calma os fatores racionais e emocionais antes de tomar a decisão de abrir mão do seu lar. Vender imóvel para investir é rentável na maioria dos casos, mas o intangível também precisa entrar na equação.

Money Times no Messenger!
Notícias selecionadas para você