Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Guerra comercial impulsiona inovação tecnológica na China

Bloomberg - 12/09/2019 - 15:58
Insta360, SIVGA e Huami fazem parte de uma lista de startups, que inclui a fabricante de drones DJI Technology, que estão transformando a imagem da China, por décadas vista como uma fábrica de clones (Imagem: Bloomberg)

No distrito financeiro de Shenzhen, uma empresa de cinco anos fabrica uma câmera esportiva de 360 graus que ganha prêmios e é comparada à GoPro. Em outras partes do Delta do Rio das Pérolas, uma firma de design de nicho compete com os melhores fabricantes de fones de ouvido do mundo. E, na capital Pequim, uma startup pouco conhecida se tornou uma das maiores fornecedoras de relógios inteligentes do planeta.

Insta360, SIVGA e Huami fazem parte de uma lista de startups, que inclui a fabricante de drones DJI Technology, que estão transformando a imagem da China, por décadas vista como uma fábrica de clones, e aumentando as preocupações de Washington sobre a ascensão do país asiático no cenário internacional. Na segunda maior economia do mundo, a campanha de Donald Trump para conter a ascensão da China está na verdade estimulando seu crescente setor de tecnologia a acelerar o design e a invenção.

A ameaça que representam é de geografia incomparável: trazendo conhecimento e inovação em design para o local onde os dispositivos são fabricados, essas empresas são capazes de desenvolver produtos de maneira mais rápida e barata.

“Noventa por cento dos fones de ouvido do mundo são produzidos na China, 90% dos fones de ouvido da China são produzidos em Guangdong e 90% dos fones de ouvido da Guangdong são produzidos em Dongguan”, explica o cofundador da SIVGA e diretor de produtos Zhou Jian, um veterano da indústria de áudio com 18 anos de experiência que trabalhou para marcas globais como Sennheiser Electronic, Sony e Bose.

Sua empresa tem sede em Dongguan porque, segundo ele, “a cadeia industrial de Dongguan é quase perfeita”. Zhou estima que existam centenas de fábricas especializadas na região focadas em um componente específico, como parafusos, e sua rede de contatos entre esses fornecedores é inestimável. Foi o “apoio desses bons amigos” que impulsionou a SIVGA, abreviação de Sound Impression Via Genuine Artwork.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Agora, com mais de 30 funcionários, a empresa oferece uma marca premium chamada Sendy Audio. Os fones de ouvido Aiva, com detalhes em madeira, são vendidos por US$ 599. Mais de 2 mil unidades do Aiva foram enviadas para um nicho de mercado com margens altas, geralmente reservado para lojas de boutique americanas como Audeze e Campfire Audio.

“Até onde sabemos, somos a única empresa em Dongguan com um departamento de carpintaria”, diz Zhou, ao mesmo tempo em que destaca que, na SIVGA, “o tempo de desenvolvimento é curto e muitas decisões podem ser tomadas no local”. Esse design instantâneo é um recurso característico das novas empresas de tecnologia da China, e Zhou resume o antigo provérbio chinês: “pequenos barcos mudam de curso mais facilmente do que grandes barcos”.

Última atualização por Vitória Fernandes - 12/09/2019 - 15:58