Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Gafisa diminui prejuízo, mas não sai do vermelho com R$ 12,7 milhões no 2° trimestre

Vitória Fernandes - 14/08/2019 - 19:08
Gafisa
A receita líquida caiu 64,7%, ficando com R$ 99,6 milhões acumulados no trimestre ante os R$ 281,9 milhões do mesmo período de 2018 (Imagem: Divulgação Site da Gafisa)

A Gafisa (GFSA3) diminuiu o seu prejuízo registrado em 2018 de R$ 24,9 milhões, mas não saiu do vermelho. Com isso, a construtora totalizou R$ 12,7 milhões negativos no segundo trimestre deste ano, de acordo com o balanço financeiro divulgado nesta quarta-feira (14).

A receita líquida caiu 64,7%, ficando com R$ 99,6 milhões acumulados no trimestre ante os R$ 281,9 milhões do mesmo período de 2018.

O Ebitda ajustado seguiu o mesmo caminho e registrou queda de 58,5%, totalizando R$ 13,9 milhões entre abril e junho deste ano. A margem Ebitda ajustada foi de 49%, subindo 10,4 pontos percentuais.

Semestre

O prejuízo do semestre também não foi revertido e ficou em R$ 59 milhões ante os R$ 78,4 dos primeiros seis meses de 2018.

A receita líquida caiu 62,2% no período e atingiu R$ 195 milhões.

O Ebitda ajustado teve queda de 123,2% e totalizou R$ 9 milhões no semestre. A margem Ebitda foi de -4,7%, queda de 12,3 pontos percentuais.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Sobre a falta de lançamentos no trimestre e semestre, a empresa afirmou: “Ao longo do primeiro semestre do ano, a Gafisa concentrou seus esforços no processo de venda e monetização das unidades em estoque. Mais uma vez, ressaltamos o foco na recuperação da confiança do mercado e do consumidor, garantindo a viabilidade econômica dos empreendimentos, reestabelendo cronogramas de entregas antes de retomar o ciclo de lançamentos”.

Confira o documento na íntegra: 

Leia mais sobre: Construtoras, Empresas, Gafisa, Resultados

Última atualização por Diana Cheng - 14/08/2019 - 19:08