Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Franquias de Sucesso: Franquiar o negócio pode ser um excelente investimento

Opinião - 19/08/2019 - 16:08

Por José Carlos Semenzato, Fundador da SMZTO Holding de Franquias

Quer crescer e expandir o seu negócio? Uma das melhores opções para se alcançar esse objetivo é o modelo de franquias – e motivos para isso não faltam.

O franchising é uma ótima maneira de ter um crescimento sustentável e de consolidar a marca de maneira estruturada, padronizada e com riscos reduzidos.

Quando bem planejada, a expansão do negócio por meio de franquias tem capilaridade em uma velocidade maior. Afinal, a abertura dos novos pontos de venda irá contar com o aporte financeiro dos futuros franqueados. Em troca, o investidor terá o direito de usar sua marca, modelo comercial e estratégias de operação, pagando ainda, para isso, as taxas de franquia e os royalties.

Ou seja, é uma relação, win-win, vantajosa para ambas as partes. E os benefícios vão muito além.

Vantagens de franquear o negócio

Investimento

O franqueador tem a possibilidade de expandir o seu negócio com um investimento muito mais baixo do que quando comparado ao estabelecimento de uma rede própria. No sistema de franquias, os franqueados é que aportam recursos e investem nas unidades – ao franqueador cabe a responsabilidade de investir na montagem de toda a estrutura que dará suporte à rede.

Velocidade de crescimento

A velocidade de crescimento e expansão da marca por meio de franquias é bem maior – abrir unidades próprias demanda mais tempo e recursos do que a opção pelo franchising.

E isso é um importante diferencial para se estabelecer mais no mercado, já que o modelo de franquias também permite ao franqueador uma consolidação territorial mais célere, o que agrega bastante valor ao negócio.

Poder de compra/negociação

Conforme o negócio se expande, maior a sua relação com os fornecedores e, consequentemente, maior também o poder de negociação juntos aos fornecedores homologados. Isso irá gerar economia de escala e, por conseguinte, representar mais lucratividade para o empreendimento.

Marketing

Como franqueador você deve ter um fundo destinado a campanhas e ações de marketing. Isso irá fortalecer toda a rede e, por consequência, a sua marca, que irá alcançar novos públicos que você não atingiria se atuasse isoladamente. Além disso, cada unidade vai lhe trazer mais visibilidade e exposição do negócio.

Questões jurídicas

O franchising tem regulamentação própria, a Lei do Franchising (Lei 8.955/94), que desde 1994 estabelece claramente as responsabilidades das partes – franqueador e franqueado. A lei prevê, ainda, que não existem vínculos trabalhistas e fiscais entre as partes.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Gestão

O franqueado, assim como você, terá todo o interesse no sucesso da franquia, já que realizou o investimento. Assim, ninguém melhor do que ele para gerenciar uma unidade da sua rede.

O resultado é uma gestão e operação de qualidade, já que o franqueado irá coordenar todos os processos relativos a sua franquia a partir de um modelo de negócio já testado e aprovado por você.

Receitas

O franqueador recebe permanentemente algumas taxas do franqueado, como a taxa de franquia, montante referente ao direito de a unidade fazer parte da rede, usar a marca e todos os processos e know-how da franqueadora; taxa de royalties, valor periódico recebido pela disponibilização de todo o expertise e benefícios como programas de capacitação, fornecedores homologados, consultoria de campo e suporte; e ainda a taxa de marketing, investimento recebido pelo franqueador para a realização de campanhas publicitárias e de marketing da marca.

Imagem

Com o crescimento do negócio, a sua imagem corporativa ganhará um peso muito maior, já que a capilaridade de uma rede é um dos fatores que mais contam para a valorização de um negócio no mercado.

Opção tributária

Como cada franquia atua de maneira autônoma, elas são figuras jurídicas distintas. Com isso, podem aproveitar as vantagens fiscais e tributárias do enquadramento no Simples Nacional.

Comunicação eficiente

Como dito anteriormente, o dono da franquia fez um investimento do seu próprio bolso, e com isso busca resultados reais e o sucesso do empreendimento. Assim, a comunicação entre franqueador e franqueado costuma ser mais transparente do que entre um empresário e um gerente, por exemplo, que pode não querer mostrar com tanta franqueza os erros de sua gestão.

Franquias que escolhem bem seus franqueados contam ainda com o benefício do trabalho em grupo. Reuniões e conselhos de franqueados permitem uma rica troca de experiência e conhecimento. Certamente com o objetivo comum de buscar as melhores soluções para a rede. Isso contribui para a melhoria na tomada de decisões.

Mas, cuidado!

Apostar no modelo de franquias não pode ser considerado sinônimo de sucesso. Para que o negócio tenha êxito, a decisão deve ser bem analisada e realizada com cautela, como em qualquer empreendimento.

O processo de formatação da franquia também deve ser feito com muito cuidado e atenção. É preciso, por exemplo, ter uma visão completa e realista da realidade da empresa, estabelecer os processos do dia a dia da operação, elaboração de contratos e da Circular de Oferta de Franquia (COF), entre outros fatores importantes que devem ser previamente planejados.

Entretanto, muitos empresários acabam caindo em cantos de sereia e começam a franquear levando em conta apenas a parte jurídica (contratos e COF). E depois acabam enfrentando problemas de gestão, financeiros e até mesmo jurídicos. Além disso, colocam a própria sustentabilidade do negócio em risco.

Cada detalhe na formatação de franquias precisa ser muito bem planejado. Para isso, vale investir no apoio de uma consultoria especializada em franchising. Ela possui todo o know how de como atuar no setor. Contar com profissionais especializados pode ajudá-lo também a sair de uma furada. Ao contrário do que muitos pregam, nem todo negócio é franqueável.

E a verdade é que não existe receita pronta que garanta o sucesso da empreitada. Por mais que o modelo de franquias seja extremamente vantajoso e rentável. Lembre-se: é preciso, primeiramente, estar pronto para a expansão.

E você, ficou interessado em expandir o seu negócio? No próximo artigo falarei o que deve ser levado em consideração na hora de formatar uma franquia. Até mais!

Última atualização por Renan Dantas - 19/08/2019 - 16:33