Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Oi: diretor presidente deixará o cargo em janeiro de 2020

10/12/2019 - 18:25
Oi
De acordo com a nota, a companhia deverá indicar o nome do substituto para ocupar o cargo, a ser previamente informado ao Juízo da Recuperação Judicial (Imagem: Gustavo Kahil/ Money Times)

A Oi (OIBR3OIBR4) anunciou que o diretor presidente Eurico de Jesus Teles permanecerá no cargo até o dia 30 de janeiro de 2020, mostra fato relevante enviado ao mercado nesta terça-feira (10).

De acordo com a nota, a companhia deverá indicar o nome do substituto para ocupar o cargo, a ser previamente informado ao Juízo da Recuperação Judicial e ao Ministério Público do Rio de Janeiro, no âmbito do caso que corre em segredo de justiça.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Em entrevista a jornalistas convocada após a empresa ser alvo de operação da Polícia Federal mais cedo, o vice-presidente de operações da Oi, Rodrigo Abreu, afirmou também que a saída de Teles da empresa não tem relação com a ação das autoridades que investigam supostos pagamentos irregulares para uma empresa parcialmente controlada pelo filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“Estou aqui há 38 anos e essa companhia é só pepino. É só pepino tanto que foi para recuperação judicial. Por quê? Tinha dívida imensa, receita decadente, serviço fixo decadente”, disse Teles durante a entrevista.

“Minha saída não tem nada a ver uma coisa com a outra. Um termo de transição foi protocolado na justiça e homologado em julho. Ele já apontava para isso e vou ficar na companhia até 30 de janeiro…vocês mesmo têm dito na imprensa que o Eurico vai sair e que o Rodrigo vai assumir”, complementou o executivo.

(Com Reuters)

Última atualização por Renan Dantas - 10/12/2019 - 20:04