Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Lucro trimestral do JPMorgan cresce 21% e fica acima do esperado

14/01/2020 - 11:40
JPMorgan Bancos
O resultado do JPMorgan abre a temporada de balanços para os bancos norte-americanos (Imagem: Reuters/Dylan Martinez)

O JPMorgan Chase & Co, o maior banco dos Estados Unidos, reportou nesta terça-feira um aumento de 21% no lucro trimestral, impulsionado pelos resultados de negociações (trading) e taxas de subscrição mais elevadas.

O lucro líquido do banco somou 8,52 bilhões de dólares, 2,57 dólares por ação, no trimestre encerrado em 31 de dezembro, ante 7,07 bilhões de dólares, ou 1,98 dólar por ação, um ano antes.

Analistas esperavam, em média, lucro de 2,35 dólares por ação, segundo dados da Refinitiv. Não ficou claro imediatamente se os números relatados eram comparáveis ​​com a estimativa.

O resultado do JPMorgan abre a temporada de balanços para os bancos norte-americanos e são considerados uma medida da saúde da economia. Wells Fargo & Co e Citigroup divulgam seus desempenhos mais tarde nesta terça-feira.

JPMorgan Bancos Empresas
A performance robusta na mesa de operações do banco compensou uma fraqueza surpreendente no setor de varejo (Imagem: Reuters/Amr Alfiky)

O desempenho forte na negociação de títulos ajudou a receita com trading como um todo, dissipando preocupações sobre o impacto da disputa comercial entre China e EUA e desaceleração do crescimento global.

“Enquanto enfrentamos um alto nível contínuo de questões geopolíticas complexas, o crescimento global se estabilizou, embora em um nível mais baixo, e a resolução de algumas questões comerciais ajudou a apoiar a atividade dos clientes e do mercado até o final do ano”, disse o presidente-executivo do JPMorgan, Jamie Dimon, em um comunicado.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

A receita de negociação (trading) de renda fixa subiu 86%, para 3,4 bilhões de dólares, em comparação com um ano antes, quando a volatilidade atingiu os mercados de títulos. A receita dos mercados acionários aumentou 15%, para 1,5 bilhão de dólares.

A performance robusta na mesa de operações do banco compensou uma fraqueza surpreendente no setor de varejo.

A receita do banco de varejo caiu 2%, para 6,4 bilhões de dólares, afetada principalmente por margens de depósito mais baixas. A receita com financiamentos imobiliários caiu 5%, para 1,3 bilhão de dólares.

O total de empréstimos, excluindo aqueles para habitação, aumentou 3% no trimestre. O crédito à habitação caiu 17%.

Última atualização por Lucas Simões - 14/01/2020 - 11:40

Lucro da Cielo sucumbe à concorrência e cai pela metade em 2019