Últimas Notícias Cotações Governo Bolsonaro Comprar ou Vender Empresas Economia
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Japão: Índice Nikkei 225 recua 0,56%

Investing.com Brasil - 19/10/2018 - 7:00

Por Investing.com – Japão – As ações fecharam em queda no pregão de sexta-feira, com perdas nos setores de Nikkei 500 PetroleumNikkei 500 Machinery e Nikkei 500 Chemicals, levando as ações a uma baixa.

No encerramento em Tóquio, o Índice Nikkei 225 recuou 0,56%.

O melhor desempenho da sessão no Índice Nikkei 225 veio das ações da Yaskawa Electric Corp. (T:6506), que subiram 2,57%, o que corresponde a 80,0 pontos, sendo negociadas a 3.195,0 no fechamento do pregão. Enquanto isso, as ações da Eisai Co., Ltd. (T:4523) adicionaram 2,32%, ou 245,0 pontos, terminando o dia em 10.795,0, e as da Tokio Marine Holdings, Inc. (T:8766), que avançaram 2,19%, ou 119,0 pontos, no final das operações com 5.556,0.

O pior desempenho da sessão foi das ações da Credit Saison Co., Ltd. (T:8253), que caiu 6,31% ou 116,0 pontos, com os papéis sendo negociados a 1.721,0 em seu fechamento. Marui Group Co., Ltd. (T:8252) recuou 6,04%, ou 158,0 pontos, terminando em 2.460,0, e Rakuten Inc (T:4755) diminuiu 5,95%, ou 50,2 pontos, para 792,8.

As ações em queda superaram os papéis com resultados positivos na Bolsa de valores de Tóquio com uma diferença de 2330 a 1146, enquanto 197 terminaram sem alterações.

Nikkei Volatility, que mede a volatilidade implícita das opções do índice Nikkei 225, acrescentou 6,67%, para 22.39.

Os contratos futuros de petróleo para entrega em novembro, subiram 0,12%, ou 0,08, para $68,73 por barril. Em outras commodities, petróleo brent para entrega em dezembro, avançou 0,13%, ou 0,10, para atingir $79,39 por barril, enquanto os futuros de ouro para entrega em dezembro, recuaram 0,07%, ou 0,80, negociados a $1.229,30 por onça troy.

O par USD/JPY subiu 0,17% para 112,39, enquanto o par EUR/JPY avançou 0,07%, para 128,60.

O Índice Dólar Futuros, por sua vez, diminuiu 0,05% em 95,77.

Leia mais sobre: Japão, Mercados
Últimas Notícias