Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Fundos fechados de previdência complementar rentabilizam mais de 12% em 2018

Diana Cheng - 14/03/2019 - 18:32
Fundos encerraram o ano com R$ 900 bilhões em ativos (Imagem: B3)

Os fundos fechados de previdência complementar encerraram 2018 com R$ 900 bilhões em ativos, 7,4% a mais em relação ao valor registrado em 2017. Os dados, divulgados pela Associação Brasileira das Entidades de Previdência Complementar Fechada (Abrapp), ainda revelaram que a rentabilidade chegou em 12,22%, superando tanto a TJP (Taxa de Juros Padrão) quanto o CDI (Certificados de Depósito Interbancário).

Carteira Money Times: O Consenso do Mercado na sua Mão

Garanta um método eficaz para gerar renda adicional periodicamente…

Continua depois da publicidade

As Entidades Fechadas de Previdência Complementar (EFPCs) tiveram superávit de R$ 26,8 bilhões no ano passado ante os R$ 20,30 bilhões registrados em 2017, o que representa crescimento de 32,02%. Já o déficit acumulado caiu para R$ 29,2 bilhões em 2018.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Participantes

Segundo a entidade, são 2,7 milhões de participantes ativos de fundo de pensão, dos quais 66,1% são homens e 33,9% são mulheres. 847 mil são participantes assistidos e mais de 3,9 milhões de pessoas são dependentes.
O valor médio da aposentadoria programada foi de R$ 5.968 por mês. A média do valor da aposentadoria por invalidez, por outro lado, foi de R$ 2.413, e o das pensões ficou em R$ 2.838.

Última atualização por Diana Cheng - 14/03/2019 - 18:39