Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

EUA: Índice Dow Jones Industrial Average avança 0,42%

Investing.com Brasil - 18/04/2019 - 19:14
O pior desempenho da sessão foi das ações da Pfizer Inc

Investing.com 

As ações fecharam em alta no pregão de quinta-feira, com ganhos nos setores de IndustriaisTelecomunicações e Tecnologia, levando as ações a uma alta.

No encerramento em Nova York, o Índice Dow Jones Industrial Average ganhou 0,42%, alcançando novo nível recorde máximo de 6 meses, enquanto o Índice S&P 500 ganhou 0,16%, e o Índice NASDAQ Composite subiu 0,02%.

Continua depois da publicidade

O melhor desempenho da sessão no Índice Dow Jones Industrial Average veio das ações da UnitedHealth Group Incorporated (NYSE:UNH), que subiram 2,26%, o que corresponde a 4,91 pontos, sendo negociadas a 221,75 no fechamento do pregão. Enquanto isso, as ações da The Travelers Companies Inc (NYSE:TRV) adicionaram 2,25%, ou 3,06 pontos, terminando o dia em 138,93, e as da McDonald’s Corporation (NYSE:MCD), que avançaram 1,72%, ou 3,30 pontos, no final das operações com 194,91.

A nova onda de IPOs já chegou! Deixe o seu-email e saiba como ganhar com ela!

O pior desempenho da sessão foi das ações da Pfizer Inc (NYSE:PFE), que caiu 1,25% ou 0,50 pontos, com os papéis sendo negociados a 39,38 em seu fechamento. Merck & Company Inc (NYSE:MRK) recuou 0,99%, ou 0,73 pontos, terminando em 73,19, e Goldman Sachs Group Inc (NYSE:GS) diminuiu 0,96%, ou 1,99 pontos, para 205,91.

Já as principais empresas que tiveram o melhor desempenho no índice S&P 500 foram United Rentals Inc (NYSE:URI), cujas ações subiram 8,14%, para 136,00, Snap-On Inc (NYSE:SNA) subiu 6,48% para terminar em 168,07, e Union PacificCorporation (NYSE:UNP), que ganhou 4,36% para encerrar em 176,66.

Os piores desempenhos vieram de Genuine Parts Co (NYSE:GPC), que recuou 6,33% para 105,45 no final das operações. Em seguida, a empresa Chesapeake Energy Corporation (NYSE:CHK), que perdeu 4,90% e terminou em 2,910, e, por fim, a Mattel Inc (NASDAQ:MAT) que encerrou com recuo de 4,36%, para 12,49 no fechamento.

Já as principais empresas que tiveram o melhor desempenho no índice NASDAQ Composite foram Mustang Bio Inc (NASDAQ:MBIO), cujas ações subiram 112,03%, para 5,64, Checkpoint Therapeutics Inc (NASDAQ:CKPT) subiu 20,73% para terminar em 3,32, e Novan Inc (NASDAQ:NOVN), que ganhou 20,46% para encerrar em 0,78.

Os piores desempenhos vieram de Kona Grill Inc (NASDAQ:KONA), que recuou 44,44% para 0,30 no final das operações. Em seguida, a empresa StoneCo Ltd (NASDAQ:STNE), que perdeu 23,69% e terminou em 26,51, e, por fim, a Ideal Power Inc (NASDAQ:IPWR) que encerrou com recuo de 23,26%, para 0,630 no fechamento.

As ações em queda superaram os papéis com resultados positivos na Bolsa de valores de Nova York com uma diferença de 1495 a 1467, enquanto 123 terminaram sem alterações; já na NASDAQ, 1348 caíram contra 1281 que avançaram, enquanto 91 encerraram a sessão sem alterações.

Exclusivo: Método de Luiz Barsi é revelado em curso inédito

As ações da Union Pacific Corporation (NYSE:UNP) avançaram, alcançando seu máximo histórico; subindo 4,36%, ou 7,38, para 176,66. As ações da The Travelers Companies Inc (NYSE:TRV) avançaram, alcançando seu máximo de 52 semanas; subindo 2,25%, ou 3,06, para 138,93. As ações da McDonald’s Corporation (NYSE:MCD) avançaram, alcançando seu máximo histórico; subindo 1,72%, ou 3,30, para 194,91. As ações da Kona Grill Inc (NASDAQ:KONA) recuaram, alcançando seu mínimo histórico; diminuindo 44,44%, ou 0,24, para 0,30.

CBOE Volatility Index, que mede a volatilidade implícita das opções do índice S&P 500, devolveu 4,05%, para 12.09.

Os contratos futuros de ouro para entrega em junho, subiram 0,07%, ou 0,95, para $1.277,75 por onça troy. Em outras commodities, petróleo para entrega em maio, avançou 0,38%, ou 0,24, para atingir $64,00 por barril, enquanto os futuros de petróleo brent para entrega em junho, recuaram 0,06%, ou 0,04, negociados a $71,94 por barril.

O par EUR/USD subiu 0,03% para 1,1233, enquanto o par USD/JPY avançou 0,00%, para 111,97.

O Índice Dólar Futuros, por sua vez, diminuiu 0,49% em 97,132.

Leia mais sobre: Dow Jones, EUA, Internacional, Mercados

Última atualização por Vitória Fernandes - 18/04/2019 - 19:14