Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Com manifestações, viagens para o Chile podem ser canceladas ou remarcadas sem custo

Vitória Fernandes - 21/10/2019 - 17:24
“O turista brasileiro não pode ser prejudicado pela situação e deve ter o seu direito respeitado”, afirmou o Procon (Imagem: Pixabay)

O Procon-SP divulgou nesta segunda-feira (21) que passageiros com viagem marcada para o Chile podem cancelar os voos ou remarcar sem custo. Por conta das manifestações que estão acontecendo no país, o órgão acredita que é direito do consumidor alterar a viagem se houver interesse.

As companhias aéreas como Gol, Latam e Sky Airline ainda não comentaram sobre as providências que serão adotadas nesses casos, mas o Procon-SP está em contato para auxiliar as negociações.

“É recomendável que o passageiro verifique junto a empresa aérea qual o status do seu voo e que, caso opte por cancelar ou remarcar a viagem, o contato seja feito por escrito para que, se necessário, o consumidor tenha documentos para comprovar a tentativa de compor um acordo”, afirmou o Procon-SP.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Leia mais sobre: Chile, Gol, Latam, Procon, Sky Airline, Turismo

Última atualização por Vitória Fernandes - 21/10/2019 - 17:29