Últimas Notícias Nova Previdência Cotações Comprar ou Vender Criptomoedas Empresas
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Exportações de calçados disparam em volume e receita no mês de janeiro

Diana Cheng - 11/02/2019 - 15:13

A exportação de calçados subiu 33,4% em volume e 23% em receita no mês de janeiro frente ao mesmo período de 2018, segundo dados divulgados na última quarta-feira (6) pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados). Foram 15 milhões de pares embarcados e US$ 99,3 milhões de faturamento.

De acordo com Heitor Klein, presidente-executivo da Abicalçados, as exportações do Ceará foram responsáveis por uma parte significativa do montante, já que tiveram incremento de quase 60% na comparação anual. De lá, 7,3 milhões de pares foram exportados por US$ 38 milhões, o que corresponde a crescimentos de, respectivamente, 44,3% e 56,8%.

Klein ainda faz previsões para 2019 com base na maior estabilidade do câmbio e da retomada do mercado nos EUA: “A percepção de recuperação do mercado estadunidense, especialmente a partir da possibilidade de taxação extra do calçado chinês naquele país, está se confirmando”, diz. Dessa forma, o Brasil irá ocupar o espaço do calçado asiático no mercado norte-americano.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Destinos

Os Estados Unidos foram o país que mais importou do Brasil em janeiro. Segundo o levantamento realizado pela entidade, o volume embarcado chegou a 1,67 milhão de pares, 80% de alta quando comparado com janeiro de 2018. A receita cresceu 52%, fechando em US$ 18,47 milhões.

França e Reino Unido também se destacaram no último mês, importando, respectivamente, 1,77 milhão de pares por US$ 9 milhões e 307,3 mil pares por US$ 3,54 milhões. As exportações para o país francês caíram, porém apresentaram aumento significativo no mercado britânico, crescendo 231% em pares e de 115% em dólares, na comparação anual.

A Argentina, por estar no meio de profunda crise econômica, importou menos calçados brasileiros. Foram embarcados somente 333,27 mil pares por US$ 4,3 milhões, retrações de 2% em volume e 24,6% em receita.

Importações

O Brasil importou menos em janeiro. Segundo a associação, foram 2,78 milhões de pares de calçados por US$ 39,53 milhões, o que representa uma queda de 4,8% em volume e 1,3% em dólares frente ao mesmo período do ano passado.

As peças vieram principalmente do Vietnã, com 1,33 milhão de pares e US$ 22 milhões, Indonésia, com 570,5 mil pares e US$ 8,45 milhões, e China, com 528,7 mil pares e US$ 3 milhões.

As importações de partes de calçados, como palmilhas, solas, saltos e cabedais, caíram 35%, atingindo uma receita de US$ 4,64 milhões. China, Paraguai e Vietnã foram os principais países exportadores.

Receba dicas EXCLUSIVAS de investimento em seu e-mail – Não é propaganda