Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Exclusivo: Descubra a ação mais indicada por 23 analistas entre 90 empresas diferentes

Márcio Juliboni - 03/09/2019 - 20:07
A estatal de petróleo foi lembrada por 15 dos 23 analistas consultados em setembro (Imagem: Dado Galdieri/Bloomberg)

Patinho feito dos analistas durante os governos petistas, a Petrobras (PETR3PETR4) voltou a despertar otimismo no mercado após a mudança na Presidência da República. Um dos sinais do prestígio em alta da estatal é o grande número de recomendações de suas ações para as carteiras de setembro. Segundo levantamento do Money Times com os relatórios de 23 instituições, entre bancos, corretoras e analistas independentes, a Petrobras ficou isolada na liderança, com 15 indicações.

Entre os que destacaram a estatal neste mês, está Felipe Paletta, especialista da Inversa Publicações. Para ele, mais do que uma oportunidade para aproveitar a onda de privatizações deste governo, a Petrobras é uma boa opção para os investidores, devido às mudanças que a nova diretoria vem promovendo, como a venda de ativos não estratégicos e a intenção de concentrar suas atividades na extração de petróleo do pré-sal, seu negócio mais lucrativo.

“Os reflexos dessas mudanças já são perceptíveis nos resultados da companhia”, afirma Paletta. “Veja a redução de 11% do custo por barril em relação aos 12 meses anteriores, divulgada no último trimestre, e a consecutiva retração de seu nível de alavancagem”, acrescenta.

O setor financeiro também está no foco dos analistas, que colocaram o Bradesco (BBDC4) isolado em segundo lugar nas preferências para este mês, com 12 recomendações. A Necton é uma das instituições que indicam o papel, sustentada tanto pela análise de múltiplos, quanto pelas perspectivas de desempenho do banco. A Necton observa, por exemplo, que as ações do Bradesco estão mais baratas que a de seus pares, quando analisadas pelos múltiplos preço/lucro (P/E) e preço/valor contábil (P/BV) do Bradesco.

Além disso, a Necton ressalta que o banco possui “uma atuação basicamente doméstica e uma base de clientes mais focados em pequenas e médias empresas.” Com isso, o Bradesco apresenta “um beta mais alavancado” à economia doméstico, isto é, pode crescer bem mais que a média do país.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Veja, a seguir, as ações preferidas pelos analistas para a carteira de setembro. No total, 90 empresas foram citadas em relatórios de 23 bancos, corretoras e casas independentes, somando 232 recomendações.

Participaram deste levantamento as seguintes instituições: Coinvalores, Genial, Elite, Necton, Ativa, Terra, Planner, Socopa, Bradesco, Santander, Safra, Mirae, BTG Pactual, Guide, XP Investimentos, BB Investimentos, Benndorf, Nova Futura, Itaú, Toro, Eleven, Inversa Publicações e Banrisul.

EmpresasIndicações
Petrobras15
Bradesco12
Itaú Unibanco9
IRB8
Lojas Renner8
Vale7
JBS6
Localiza6
Rumo6
Suzano6
B35
BRF5
CVC5
Pão de Açúcar5
Usiminas5
Banco do Brasil4
Equatorial4
Gerdau4
Magazine Luiza4
BR Malls3
Cemig3
Copel3
CPFL3
Cyrela3
Engie3
Gerdau Metalúrgica3
Iguatemi3
Itaúsa3
Kroton3
Natura3
Via Varejo3
Azul2
Banrisul2
Bradespar2
Braskem2
CSN2
Direcional Engenharia2
Energias do Brasil2
Even2
Fleury2
JSL2
Oi2
Telefônica Vivo2
Ultrapar2
ABC Brasil1
Aliansce1
Alupar1
Ambev1
B2W1
BB Seguridade1
BR Distribuidora1
Camil1
CCR1
Copasa1
Cosan1
Ecorodovias1
Embraer1
Energisa1
Grendene1
Guararapes1
Hapvida1
Hermes Pardini1
Hypera1
Iochpe1
Klabin1
Linx1
Locamerica1
Lojas Americanas1
Marcopolo1
Movida1
MRV1
Multiplan1
neoenergia1
Odontoprev1
Porto Seguro1
QGEP1
Randon1
Sabesp1
Sanepar1
Santander1
Sul America1
Taesa1
Tenda1
Tim1
Totvs1
Transmissão Paulista1
Trisul1
Valid1
Vulcabrás1
Yduq1

Última atualização por Gustavo Kahil - 03/09/2019 - 21:19