Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Europa: Rolo compressor da Volskwagem vai passar

Investing.com Brasil - 04/06/2019 - 9:06
Mercados europeus em alta nesta manhã de terça-feira  (Imagem: Pixabay)

Por Geoff Smith/Investing.com

Para algumas pessoas, a Volkswagen (DE:VOWG_p) é como um superpetroleiro: enorme, lento e pesado – mas muito difícil de parar quando tem impulso. Às vezes, esse momento pode surpreender a si mesmo.

Zona do Euro: Desemprego e inflação mostram variação negativa

O maior grupo automotivo da Europa confirmou que pretende listar sua unidade de caminhões Traton em agosto, tendo decidido apenas alguns meses atrás que o momento não estava certo.

As condições do mercado pioraram muito desde então, com o presidente dos EUA, Donald Trump, intensificando sua guerra comercial com a China e sinalizando sua intenção de iniciar uma nova com o México (ele ainda está decidindo se deve ou não atacar a Europa de frente).

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

O mercado optou por interpretar as notícias como um sinal de confiança em vez de desespero, empurrando as ações do grupo para cima em 2% no pregão de terça-feira em Frankfurt, enquanto o alemão Dax está em alta  1,20% após a segunda-feira de Sturm und Drang (Tempestade e urgência, em alemão). A referência, o Euro Stoxx 600, entretanto, sobe 0,47% , enquanto o FTSE 100 do Reino Unido avança 0,28%.

Se e quando chegar hora, a Traton poderá ser a maior IPO da Europa este ano. Os analistas estimam o valor da unidade em cerca de 16 bilhões de euros (US$ 18 bilhões), o que significa que uma venda de 25% aumentaria 4 bilhões de euros.

Como o objetivo é uma listagem dupla em Frankfurt e Estocolmo (a sede da marca Scania da Traton), a liquidez sofrerá se tentar vender muito menos do que isso.

Tranton, pertencente ao grupo Volskwagem, é a fabricante da Scania. Empresa poderá ter maior IPO deste ano na Europa

Acontece que a necessidade de listar o Traton é mais poderosa do que a perda de um bilhão aqui ou ali na avaliação. Esse imperativo nasce do desastre do diesel da VW, que custou US$ 30 bilhões em multas e outros custos até agora (é provável que haja mais uma multa antitruste da UE por conspirar com a BMW (MI:BMW) e Daimler para manter a tecnologia mais limpa fora do mercado).

A resposta da VW tem sido planejar uma enorme expansão em veículos elétricos, com o objetivo de tornar um quarto de sua produção global, elétrica até 2025. Esse é um desafio formidável, como atestam relatos de que está precisando refazer um plano de compra de baterias de US$ 60 bilhões porque mesmo poderosa, a Samsung (KS:005930) não tem certeza se pode cumprir seus compromissos de entrega.

Não está claro se a mudança de ideia na Traton está relacionada com isso, mas os riscos de execução da transição elétrica exigem um balanço forte. Eles também exigem que o gerenciamento de grupo seja adequadamente focado. Deixar o negócio de caminhões seguir seu próprio caminho atinge ambos os objetivos.

Última atualização por Bruno Andrade - 04/06/2019 - 9:06