Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Em Dalian, futuros do minério de ferro encerram o dia com queda de 1,62%

Investing.com Brasil - 31/05/2019 - 8:20
O ativo com o maior volume de negócios, com vencimento no mês de setembro deste ano, teve queda de 1,62% ( Imagem: Pixabay)

Por Investing.com

A sessão desta sexta-feira na bolsa de mercadorias da cidade chinesa de Dalian foi marcada pela desvalorização dos contratos futuros do minério de ferro.

O ativo com o maior volume de negócios, com vencimento no mês de setembro deste ano, teve queda de 1,62%, encerrando assim o dia transacionado a 727,00 iuanes por tonelada, o que representa uma variação diária de 12 iuanes.

A jornada também foi negativa para as operações dos papéis do vergalhão de aço, que são operados na também chinesa bolsa de mercadorias da cidade de Xangai.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

O contrato de maior liquidez, com entrega em outubro do atual calendário, perdeu 56 iuanes para um total de 3.750 iuanes por tonelada. Já o de janeiro de 2020, segundo mais negociado, perdeu 48 iuanes para 3.493 iuanes por tonelada.

Os índices acionários chineses recuaram nesta sexta-feira, registrando a pior queda mensal desde outubro, uma vez que as tensões comerciais entre China e Estados Unidos reduziam o apetite por risco e provocavam temores de desaceleração econômica.

As tensões comerciais entre China e EUA pioraram rapidamente neste mês, após o presidente norte-americano, Donald Trump, ter acusado a China de renegar promessas anteriores nas negociações comerciais, adotando tarifas novas sobre 200 bilhões de dólares em produtos chineses e provocando retaliação da China.

Somando-se às preocupações dos investidores, uma pesquisa oficial divulgada nesta sexta-feira mostrou que a atividade industrial da China caiu em uma contração mais forte do que os mercados esperavam em maio.

Última atualização por Bruno Andrade - 31/05/2019 - 8:20