Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Elite divulga carteiras recomendada, de dividendos e small caps para setembro

Diana Cheng - 02/09/2019 - 17:32
Mercados
A corretora realizou a troca de duas ações na carteira Dividendos: Ferbasa por Klabin e Ultrapar por Telefônica (Imagem: Pixabay)

A Elite Investimentos publicou nesta segunda-feira (2) a atualização de sua carteira recomendada de setembro, tendo realizado duas trocas: B3 (B3SA3) e Itaú Unibanco (ITUB4) entraram, enquanto BR Distribuidora (BRDT3) e Cemig (CMIG4) saíram.

Em relação à B3, um dos gatilhos que fizeram a empresa ser escolhida pela corretora é a expectativa do aumento no número de IPOs e ofertas até o fim do ano, o que pode abrir mais espaço para a valorização de suas ações.

Quanto ao Itaú Unibanco, a Elite destaca a aceleração do crédito no segundo semestre e o anúncio do programa de demissão voluntária, que demonstra “controle de despesa e a estratégia de uma companhia mais enxuta e digital sem perder a eficiência e excelência”.

Em agosto, a carteira registrou desempenho negativo de 0,27% contra a queda de 0,67% do Ibovespa.

Dividendos

A corretora também realizou a troca de duas ações na carteira Dividendos: Ferbasa (FESA4) por Klabin (KLBN11) e Ultrapar (UGPA3) por Telefônica (VIVT4).

“Apesar de não possuir efeitos financeiros imediatos, a parceria com Tim Participações para compartilhamento da rede 2G proporciona uma maior eficiência operacional para a Vivo”, ressalta a Elite em relação à empresa telecom.

A carteira desvalorizou 4,01% em agosto, enquanto o Índice Dividendos (IDIV) apresentou rentabilidade de 2,23%.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Small Caps

Para a carteira Small Caps, a Elite retirou as ações da Ferbasa e Guararapes (GUAR3) e incluiu os papéis da Arezzo (ARZZ3) e CVC Brasil (CVCB3).

“A boa gestão da companhia e com uma melhora no cenário interno, que já é anunciado pelo PIB do 2T19, podem ser bons indicadores para um setor (calçados) que é reconhecido no mundo pela sua qualidade”, diz a Elite sobre a Arezzo.

Em agosto, a carteira valorizou 3,05% ante o desempenho positivo de 0,48% do Índice Small Cap (SMLL).

Última atualização por Diana Cheng - 02/09/2019 - 17:32