Últimas Notícias Eleições 2018 Comprar ou vender?
Cotações por TradingView

É melhor confiar nas pesquisas ou no mercado?

Gustavo Kahil - 04/10/2018 - 8:41
Jair Bolsonaro fará um bom governo? O mercado parece já ter esta resposta (Wilson Dias/Arquivo Agência Brasil)

A carta de outubro da boutique de investimentos Inva Capital traz um questionamento interessante: É melhor confiar nas pesquisas ou no mercado? O documento preparado por Raphael Cordeiro e Luiz Augusto Pacheco se perguntou sobre os motivos pelos quais o mercado foi tão bem ao final de setembro, com o dólar voltando para próximo de R$ 4 e o Ibovespa na casa dos 80 mil pontos.

Segundo eles, o mercado parece achar que o próximo presidente terá alguma condição de fazer um bom governo.

“Está claro que os movimentos positivos ocorrem quando Jair Bolsonaro sobe nas pesquisas, logo, o mercado deve crer que ele tem condições de fazer um governo melhor do que o seu oponente. Quem é o mercado de quem tanto falamos? São agentes que estão colocado o seu dinheiro e dinheiro de seus clientes em jogo. Ou seja, pouca coisa dá uma melhor percepção do que que o mercado. “, argumentam.

O rali Bolsonaro já chega a 6% após a alta de 2,04% na terça-feira (3), aos 83.273 pontos.  O dólar comercial caiu 1,23% e terminou vendido a R$ 3,89, menor valor desde agosto.  A publicação da mais recente pesquisa Ibope mostra uma diferença de 9 pontos percentuais para Fernando Haddad no 1º turno. Eles agora apresentam 32% e 23%, respectivamente. No 2º turno, o petista vence por 43% a 41%. A pesquisa anterior mostrava um empate em 42%.

João Dória

Doria como proxy

A Inva lembra das pesquisas para a prefeitura de São Paulo, uma realizada em 2 de outubro. A manchete da
Folha de São Paulo no dia 1º de outubro de 2016 era: “Doria dispara e 2º turno está indefinido em SP, dizem
Datafolha e Ibope”. Veja a diferença entre as duas pesquisas divulgadas logo antes das eleições para a prefeitura de São Paulo e o seu resultado.

EUA

Outro exemplo lembrado é o de Donald Trump. Enquanto ele tinha tinha 43% contra 46% de Hillary, segundo pesquisa divulgada pelo New York Times. O republicano venceu em 304 (57%) colégios eleitorais contra 227 (43%) da democrata.

“A dúvida é: quanto podemos confiar nas pesquisas? Não seria melhor acreditar no mercado? Nos 90 dias que se seguiram à vitória de Donald Trump, o índice S&P500 subiu 10%. Ou seja, ao menos do curto-prazo, o mercado sabia que ele seria um bom presidente para a economia”, provocam.

Últimas Notícias