Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Conteúdo Patrocinado

Você quer ser só mais um no mercado ou ficar “fora da curva”? Veja as 7 ações agora

04/09/2019 - 18:48
Para Felipe Miranda, da Empiricus, a bolsa brasileira está apenas no início de um novo ciclo de alta (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

Imagine transformar um investimento inicial de apenas R$ 5 mil em quase R$ 510 mil em apenas três anos. Ou uma aplicação de R$ 10 mil em um retorno superior a R$ 1 milhão no mesmo período. Como muitas propostas no mundo dos investimentos, essa parece tão boa, que seria puro devaneio, não? Mas, acredite, isso aconteceu com as ações do Magazine Luiza, cuja cotação subiu 110 vezes entre janeiro de 2016 e junho de 2019. Enquanto isso, o Ibovespa, principal índice da bolsa de valores brasileira, “apenas” dobrou.

Você pode até dizer: “ah, mas isso é uma exceção”. Não, não é. Há um histórico de papeis que subiram muito mais que a média da bolsa nos últimos anos, deixando investidores muito, mas muito ricos. Entre março de 1990 e outubro de 1997, por exemplo, as ações da Telefônica Brasil subiram igualmente 110 vezes. A valorização da Fertibras, no mesmo período, alcançou 94 vezes. Qual é a novidade? Para Felipe Miranda, da Empiricus, a bolsa brasileira está apenas no início de um novo ciclo de alta, e algumas ações têm potencial para superar, em muito, a média.

O especialista destaca 7 ações que batizou de Outliers – aquelas que podem multiplicar o dinheiro que você investiu por 5, 10 ou muito mais em cerca de 18 meses. Sim, apenas um ano e meio. Por quê? Para Miranda, há 7 motivos:

1) os juros estão no menor patamar da história e ainda devem cair mais;

2) a política econômica agora possui uma agenda liberal de reformas e privatizações;

3) as empresas estão mais prontas do que nunca para crescer, devido às reestruturações e cortes de gastos decorrentes da crise;

4) a Reforma da Previdência foi aprovada pela Câmara e está perto de receber o aval do Senado;

5) os estrangeiros preferem o Brasil, entre os países emergentes;

6) a presença estrangeira na bolsa brasileira ainda é pequena;

7) a bolsa brasileira ainda está barata.

Por tudo isso, para Miranda, numa estimativa conservadora, o Ibovespa poderá chegar aos 150 mil pontos nos próximos meses. Mas, com uma estratégia adequada, é possível lucrar muito mais, compondo uma carteira de investimentos que é, ao mesmo tempo, arrojada para tirar o máximo proveito deste novo ciclo de alta que está apenas no início, e resiliente o bastante para enfrentar qualquer dificuldade futura.

Quer saber quais são as 7 ações Outliers que podem multiplicar muito o seu patrimônio? Clique aqui e veja a proposta que Felipe Miranda tem para você se destacar da média.