Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Comissão na Câmara debate uso de inteligência territorial na gestão de recursos hídricos

18/11/2019 - 16:49
O deputado lembra que, na agricultura tropical, os ciclos de produção são definidos pela disponibilidade hídrica (Imagem: Pedro Ventura/Agência Brasília)

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática realiza audiência pública nessa quarta-feira (20) para debater o uso dos sistemas de inteligência territorial na gestão dos recursos hídricos superficiais e subterrâneos e no desenvolvimento sustentável da agricultura irrigada. O encontro atende requerimento do deputado Félix Mendonça Júnior (PDT-BA).

O deputado lembra que, na agricultura tropical, os ciclos de produção são definidos pela disponibilidade hídrica, onde o processo de produção está acoplado a ocorrência das chuvas, que nem sempre ocorrem no período adequado e em quantidade necessária.

“Neste contexto a agricultura irrigada se coloca como uma opção importante para intensificar a produção, diminuir a pressão sobre a abertura de novas áreas e ampliar a produtividade, contudo, é evidente que tudo depende principalmente da disponibilidade hídrica (superficial e subterrânea), além da disponibilidade de energia e capacidade de investimento”, observou Félix Mendonça Júnior.

Produtividade

Ele citou como exemplo a solução desenvolvida pelos produtores da região Oeste da Bahia. “A ocupação da região se iniciou nos anos 1980 com uma expansão da área agrícola da ordem de 440% na área plantada entre 1990 e 2018, totalizando hoje cerca de 2,3 milhões de hectares com agricultura. A área irrigada passou de 17.100 hectares em 1990 para 192.000 hectares em 2018, correspondendo a 8,3% da área plantada, aumentando a produtividade e o número de safras por ano”, observa o deputado.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Foram convidados para o debate, entre outros, o secretário do Meio Ambiente da Bahia, João Carlos Oliveira, e o professor do Departamento de Engenharia Agrícola da Universidade Federal de Viçosa, Marcos Heil Costa. Veja aqui a lista completa de palestrantes.

Hora e local

A audiência será às 10 horas, no plenário 13, e será interativa.

Última atualização por Renan Dantas - 18/11/2019 - 16:49