Quer saber o que comprar agora na Bolsa? Receba as melhores dicas do Brasil

Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Comissão da Câmara rejeita envio gratuito de SMS para serviços de emergência

18/11/2019 - 14:42
Roberto Alves
Roberto Alves lembra que projeto semelhantes já foi aprovado pela Câmara (Imagem: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados)

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados rejeitou o Projeto de Lei 5203/19, que obriga operadoras de telefonia celular a encaminharem gratuitamente mensagens curtas de texto (chamadas torpedos ou SMS) aos serviços públicos de emergência.

Para o autor do projeto, deputado Pedro Augusto Bezerra (PTB-CE), a medida pode facilitar o acesso de pessoas com deficiência auditiva aos serviços mantidos pelas polícias, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e Corpo de Bombeiros.

Porém, o relator, deputado Roberto Alves (Republicanos-SP), ressalta que outro projeto com o mesmo objetivo já foi aprovado pela Câmara dos Deputados – o PL 5438/13, da deputada Flávia Morais (PDT-GO).

Além disso, destaca que resolução da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicada em abril de 2011 (564/11) já determina que as operadoras façam o encaminhamento gratuito das mensagens aos serviços públicos de emergência.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Por isso, o parecer dele foi contrário à proposta.

Tramitação

O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Última atualização por Bruno Andrade - 18/11/2019 - 14:42

Bolsonaro sanciona orçamento com fundo eleitoral de R$ 2 bilhões